Leão reafirma que segue no Santos em 2004

O técnico Leão colocou fim à polêmica de sua permanência na Vila Belmiro e garantiu nesta sexta-feira pela manhã, após o treino do Santos, que vai continuar à frente do time tanto na disputa do Campeonato Brasileiro quanto na Copa Libertadores da América.O treinador falou rapidamente à imprensa e confirmou que está tudo resolvido entre ele e a diretoria do clube. ?Falei por muito tempo com o presidente Marcelo Teixeira e ele expressou o que sentia, eu também expressei o que sentia e tudo está resolvido. Tanto as pequenas como as grandes questões. Voltamos à rotina comum dos 24 meses que estou aqui?, finalizou.Na quarta-feira, após a goleada sobre o Guaraní por 5 a 0, na Vila Belmiro, Leão chegou a ensaiar uma saída do Santos por não ter gostado da dispensa do goleiro Doni e do atacante Robgol pelo presidente Marcelo Teixeira. Deixou a coletiva irritado e ameaçou não prosseguir no comando da equipe. Ainda na quinta-feira conversou com Teixeira e resolveu a situação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.