Leão volta a defender garotos da Sub-23

O técnico Leão voltou a defender seus garotos das críticas que vêm recebendo por conta da desclassificação do Brasil aos Jogos Olímpicos de Atenas e acha que não tem sentindo "esse linchamento moral que estão fazendo com eles". O treinador lembrou que eles foram campeões brasileiros em 2002, vice no ano passado desse mesmo campeonato e da Libertadores. "Fizeram tudo isso com 18 anos e, de uma hora para outra não podem mais brincar", disse ele, completando: "se faltou alguma coisa, faltou ordem e não sou eu quem vai dar ordem à distância".Leão acha que não terá problemas com a readaptação dos cinco jogadores em sua equipe. "Depois que todos viram os quatro jogando com a alegria e dedicação, falar que esses jogadores não têm vontade, é brincadeira, é não conhecer o "metier". Tem muita gente velha falando bobagem".O treinador comentou que Diego voltou machucado da seleção. "Essa lesão foi ocasionada na seleção brasileira por um esforço que teve em relação a uma escalação. Tomou algumas injeções lá para ficar bem".

Agencia Estado,

28 de janeiro de 2004 | 23h13

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.