Douglas Magno|AFP
Douglas Magno|AFP

Leco se mostra otimista e garante: 'Maicon vai ficar no São Paulo'

Presidente do São Paulo confia em renovação de contrato com o zagueiro

Estadão Conteúdo

20 de maio de 2016 | 17h30

O presidente do São Paulo, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, afirmou nesta sexta-feira que o clube deve conseguir renovar com o zagueiro Maicon. Destaque do time na Copa Libertadores, o defensor tem contrato de empréstimo somente até 30 de junho. O dirigente disse em entrevista para o canal ESPN que a diretoria tem se esforçado para resolver a pendência.

"Vou cometer uma ousadia. E que está dentro do meu sentimento, muito mais do coração do que do dirigente. O Maicon vai ficar no São Paulo. Estamos fazendo de tudo e vamos fazer todos os esforços para isso. A coisa está indo bem, muito bem organizada", comentou Leco. Maicon marcou na quarta-feira o gol que classificou o São Paulo para a semifinal da Copa Libertadores.

O zagueiro de 28 anos rapidamente virou ídolo da torcida, que tem feito campanha nas redes sociais para que continue no clube. Maicon chegou em fevereiro e tem se destacado pelas boas atuações. Caso o contrato não seja renovado, o jogador não poderá disputar a semifinal da Libertadores, marcada para julho, contra o Atlético Nacional, da Colômbia.

Na negociação o São Paulo pode incluir atletas como troca. "Estamos cuidando, pode ter certeza. Vai ter dinheiro nessa história, eles querem jogador nosso, mas o São Paulo também quer o Kelvin", disse Leco, em referência ao atacante que também está emprestado pelo time português. O presidente contou que o diretor executivo de futebol do clube, Gustavo Oliveira, esteve duas vezes em Portugal para cuidar das negociações.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.