Site oficial / Leeds
Site oficial / Leeds

Leeds acerta com Rodrigo Moreno, contratação mais cara da história do clube

Visando se firmar na primeira divisão, equipe gasta R$ 194 milhões para contratar meia brasileiro naturalizado espanhol

Redação, Estadão Conteúdo

29 de agosto de 2020 | 16h52

O Leeds United não quer fazer feio em sua volta à elite do futebol inglês, após longos 16 anos de espera, e promete não medir esforços para a montagem de uma equipe forte ao técnico argentino Marcelo Bielsa. Rodrigo Moreno, brasileiro naturalizado espanhol, acaba de se tornar a contratação mais cara da história do clube: um investimento de 27 milhões de libras (cerca de R$ 194 milhões).

A transferência supera os 18 milhões de libras (R$ 129 milhões, na cotação atual) que o Leeds investiu no zagueiro Rio Ferdinand, em 2000.

Rodrigo Moreno, de 29 anos, estava no Valencia e chega sob imensa expectativa para a disputa da próxima temporada do Campeonato Inglês. O campeão das temporadas 1969, 1974 e 1992 quer se manter na elite inglesa e promete montar um time forte para não voltar à segunda divisão inglesa, como ocorreu em 2004.

"O Leeds United tem a satisfação de comunicar que assinou com Rodrigo Moreno Machado, do Valencia, com valores recorde para o clube. O jogador, de 29 anos, pode jogar de ponta ou centroavante", divulgou o Leeds, sem esconder sua expectativa com o brasileiro naturalizado espanhol.

Apesar de ter nascido no Brasil, Rodrigo fez toda sua carreira na Europa, passando pelas categorias de base de Nigrán (sub-13), Celta de Vigo e Real Madrid. Depois, defendeu o Benfica, com o qual acabou amargando dois vices da Liga Europa.

Seus 45 gols pelo time português despertaram o interesse do Valencia, que o contratou em 2014. Em seis temporadas, ele se destacou e se tornou um dos principais jogadores da equipe. Fez tanto sucesso no futebol espanhol que passou a ser convocado para a seleção e disputou a Copa da Rússia, em 2018.

Agora, o atacante troca a Espanha para viver uma segunda aventura no futebol inglês. Ele já havia vestido a camisa do Bolton na temporada 2010/2011, disputando 21 partidas. A presença de Bielsa teve peso na escolha de Rodrigo pelo Leeds.

"Vou trabalhar com um dos melhores treinadores do futebol. Ele (Bielsa) fez coisas importantes e diferentes pelos clubes que passou e estou animado em aprender com ele", disse o atacante, filho de Adalberto, ex-lateral do Flamengo, mostrando satisfação por poder ser dirigido pelo argentino.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.