Lei Pelé: entre a salvação e o caos

O que mais se ouve falar ultimamente é que os jogadores finalmente vão se ver livres da escravatura com a extinção do passe, marcada para a próxima segunda-feira. Mas especialistas em legislação desportiva e associações de jogadores alertam para o que pode ser um retrocesso na legislação. A "Lei Áurea" do futebol pode não ser tão boa quanto parece.Leia a íntegra no JT

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.