Lenílson acerta saída e São Paulo perde mais um jogador

Artilheiro do clube na conquista do Nacional de 2006, meia negocia transferência para o México

Guilherme Carvalho, do Jornal da Tarde,

20 de julho de 2007 | 18h02

Passando por uma crise no seu setor ofensivo, o São Paulo confirmou mais uma saída nesta sexta-feira. O meia Lenílson foi liberado para negociar a transferência para o Jaguares de Chiapas, do México. Na quinta, o clube do Morumbi já havia dispensado o atacante Marcel, que atuou em apenas 13 partidas neste ano e deve acertar com o Grêmio.Artilheiro do São Paulo na conquista do Brasileirão 2006 - marcou oito gols, assim como o goleiro Rogério Ceni -, Lenílson pode ter feito sua última partida no clube na derrota diante do Fluminense (1 a 0), na última quarta. O jogador sequer treinou na manhã desta sexta no CCT da Barra Funda com o restante do grupo.Acostumado a reclamar da falta de opções para armar o time quando perde atletas para seleções ou por contusões, o técnico Muricy Ramalho não vê problema em perder o atleta. "Técnico brasileiro tem que saber trabalhar assim. Aqui não existe nada fixo. Temos jogadores valorizados no mercado, apareceram bons negócios e o clube fez. O negócio do Lenílson foi muito bom para o São Paulo e para o jogador", disse o comandante são-paulino, que também comentou a saída de Marcel."Ele estava querendo jogar mais e está certo. Aqui é difícil aparecer uma oportunidade, mas ele é uma ótima pessoa, vinha trabalhando bastante e merecia essa chance", acrescentou. Com os direitos federativos ligados ao Benfica, o atacante tinha contrato por empréstimo até o fim da temporada, mas pediu a rescisão e deve fechar com o Grêmio.Lenílson, que chegou a receber uma oferta para defender o Flamengo há algumas semanas,  foi contratado em 2006 após despontar no Campeonato Paulista pelo Noroeste. Com a camisa são-paulina, o número 23 esteve em campo em 54 jogos e marcou 14 gols.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.