Léo Moura aprova período de treinos em Teresópolis

Em crise, após derrotas para Sport e Coritiba, o Flamengo seguiu para a Granja Comary, em Teresópolis, onde vai se preparar para o duelo contra o Internacional, domingo, no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro. Para o lateral-direito Léo Moura, o período fora do Rio vai ajudar o time da Gávea.

AE, Agencia Estado

16 de junho de 2009 | 19h00

"Tudo que a diretoria está fazendo é válido. Não é a primeira vez que estamos vindo para a Granja Comary e nunca foi em um bom momento. Não é um castigo, mas sim, uma medida inteligente. O momento é difícil, então acho importante fugir um pouco da pressão do Rio de Janeiro", comentou.

Léo Moura prometeu que o Flamengo vai superar a má fase e fazer boa campanha no Brasileirão. "Viemos para recarregar as nossas forças e trabalhar muito para dar a volta por cima já na próxima partida. Esse grupo está acostumado a superar momentos difíceis e vamos lutar e trabalhar muito para deixar esse momento ruim para trás", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.