Léo Moura diz que perda da vaga 'não seria justo'

O Flamengo fez na manhã deste sábado o último treinamento antes do jogo decisivo diante do Atlético-PR, que definirá o futuro da equipe em 2009. No domingo, o clube carioca precisa vencer em Curitiba e ainda torcer contra Palmeiras e Cruzeiro para garantir uma vaga na próxima Libertadores. Para o lateral-direito Léo Moura, um dos destaques do time neste Brasileirão, a perda da vaga na competição continental seria uma injustiça. "Não seria justo o Flamengo ficar de fora da Libertadores. Fizemos uma grande campanha durante o campeonato e acho que merecemos essa vaga", disse o jogador, que vê seu time em quinto na tabela, com 64 pontos, mesma pontuação do Cruzeiro, e um ponto atrás do Palmeiras. "Sabemos que será um jogo difícil. A Arena da Baixada vai estar lotada e eles precisam da vitória. A situação complicada deles na tabela dificulta ainda mais", afirmou Léo Moura, lembrando que o Atlético está a uma posição da zona de rebaixamento, e também precisa vencer para garantir sua permanência na Série A sem depender de outros resultados. "Nossa equipe é experiente, fizemos bons treinamentos durante a semana e acredito que vamos chegar lá preparados. É ter atenção, marcar bem e aproveitar as oportunidades. Acredito muito na nossa equipe e vamos lutar até o final", prometeu Léo Moura.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.