Divulgação
Divulgação

Léo Natel valoriza luta do Corinthians, mas admite frustração com empate

'Saímos tristes pelo resultado, não era o que queríamos, mas foi o que conseguimos', diz atacante após igualdade com o Botafogo

Redação, O Estado de S.Paulo

05 de setembro de 2020 | 21h46

Autor da jogada que terminou no gol de Jô, aos 47 minutos do segundo tempo, Léo Natel disse que só empatar com o Botafogo não era o resultado que o Corinthians esperava neste sábado. Em casa, a equipe paulista saiu na frente, levou a virada e buscou a igualdade nos acréscimos.

"Jogo difícil, conseguimos sair na frente, depois acabamos levando o empate e a virada, mas o Corinthians é isso: sempre na luta e na garra. Conseguimos empatar o jogo. Saímos tristes pelo resultado, não era o que queríamos, mas foi o que conseguimos", afirmou.

Léo Natel minimizou a discussão entre os jogadores das duas equipes após o apito final da partida. O atacante também disse que o Corinthians precisar trabalhar para a próxima rodada, quando terá pela frente o clássico contra o Palmeiras.

"Faz parte, às vezes estamos com cabeça quente. Agora é continuar trabalhando para o próximo jogo”, disse. “O mais importante é que nos doamos ao máximo e criamos algumas oportunidades”, acrescentou.

Com o empate, o Corinthians soma agora nove pontos conquistados em sete rodadas disputadas. A equipe está mais perto da zona de rebaixamento do que do G-4 do Campeonato Brasileiro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.