Paula Reis/Flamengo
Paula Reis/Flamengo

Léo Pereira conta que quase passou mal de emoção após proposta com o Flamengo

Zagueiro mostra confiança em sua apresentação no clube carioca

Redação, O Estado de S.Paulo

04 de fevereiro de 2020 | 18h00

O último reforço do Flamengo para a temporada de 2020 foi apresentado nesta terça-feira no CT Ninho do Urubu, no Rio de Janeiro. Contratado junto ao Athletico-PR por cerca de 7 milhões de euros (cerca de R$ 32 milhões), o zagueiro Léo Pereira chegou para o lugar do espanhol Pablo Marí, que se transferiu ao Arsenal, e disse estar muito motivado com seu novo desafio na carreira.

"É um privilégio muito grande vestir a camisa do Flamengo. É um lugar onde há algum tempo eu queria estar. Não se concretizou em outro momento, mas agora estou feliz. Muitos jogadores vestiram essa camisa 4 e deixaram sua marca. Meu objetivo é conquistar título para esses torcedores. Pude presenciar a festa ontem (contra o Resende, no Maracanã) e fiquei arrepiado", disse o zagueiro.

Com contrato assinado até dezembro de 2024, Léo Pereira vive a expectativa para jogar pela primeira vez pelo clube rubro-negro carioca. "A ansiedade é grande. Quando soube que poderia vir para o Flamengo, quase passei mal. Chegou a baixar a pressão. Vou dar o meu melhor para o Flamengo vencer os campeonatos que disputar", comentou.

Logo em sua chegada ao Flamengo, Léo Pereira já terá a chance de enfrentar o seu ex-clube. No próximo dia 16, o time carioca encara o Athletico-PR, no estádio Mané Garrincha, em Brasília, pela decisão da Supecopa do Brasil. O zagueiro revelou que vai comemorar se marcar um gol.

"Se fizer gol contra o Athletico-PR, claro que vou comemorar. O gol é o grande momento do futebol e merece comemoração. Respeito a equipe que eu estava, sou grato, mas vou comemorar", afirmou. "Não sei se vou estar em campo ou não contra o Athletico-PR. Espero que o Mister (técnico português Jorge Jesus) me escala e aconteça logo esse enfrentamento. Estou com sangue no olho para dar esse título inédito ao Flamengo", completou.

Tudo o que sabemos sobre:
Flamengofutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.