Christian Hatmann/Reuters
Christian Hatmann/Reuters

Leonardo confirma proposta do Atlético e diz que Cavani pediu para deixar PSG

Maior artilheiro da história do clube francês já pode assinar pré-contrato para se transferir de graça no meio do ano

Redação, O Estado de S.Paulo

20 de janeiro de 2020 | 08h15

O ex-jogador Leonardo, diretor esportivo do Paris Saint-Germain, revelou que o atacante Edinson Cavani pediu para deixar o clube neste domingo e revelou que a uma proposta do Atlético de Madrid para contar com o uruguaio, que tem contrato expirando no meio do ano e já pode assinar com pré-contrato para se transferir de graça.

"Sempre falamos o mesmo sobre Cavani. Esperávamos que ele ficasse no clube. Hoje, pediu para sair. Estamos estudando a situação. Temos uma proposta do Atlético, mas não está de acordo com o valor do jogador", afirmou Leonardo depois da vitória do PSG sobre o Lorient pela Copa da França.

Cavani é o principal alvo do Atlético de Madrid para reforçar o ataque ainda em janeiro.

"Ouvimos o jogador. Não tivemos novos contatos desde então com o Atlético de Madrid. Hoje, não há nada. Estamos olhando para o futuro. Veremos como isso evoluiu nos próximos dias. Estamos ouvindo porque respeitamos o jogador", disse o brasileiro sobre o maior artilheiro da história do PSG.

"É difícil substituir um jogador como Cavani. Temos que pensar com lucidez. Nunca pedimos dinheiro. Todo mundo fala disso, mas nunca estabelecemos um valor porque o mais importante é o desejo de todos. Temos que ser claros: o jogador quer ir embora", completou Leonardo./EFE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.