Leonardo diz que chegou a hora de Ronaldinho no Milan

Na véspera da estreia do Milan no Campeonato Italiano, o técnico brasileiro Leonardo avisou que chegou a hora de Ronaldinho Gaúcho brilhar com a camisa do clube. Com a venda de Kaká para o Real Madrid, Ronaldinho Gaúcho virou a principal esperança do Milan, como já admitiu o próprio dono do clube, Silvio Berlusconi.

AE, Agencia Estado

21 de agosto de 2009 | 12h06

"Agora é o momento de Ronaldinho. Ele está melhorando, está voltando. É agora ou nunca", afirmou Leonardo, lembrando da importância do jogador para o Milan. "O presidente (Berlusconi) sabe que tem uma pérola e quer vê-la brilhar. E eu, que sou o técnico e conheço Ronaldinho há muito tempo, devo fazê-lo render ao máximo."

Ronaldinho está no Milan desde o ano passado. Mas ainda conseguiu render o esperado na equipe italiana, mostrando muita irregularidade e passando bastante tempo na reserva. Agora, porém, ele começa a temporada como titular, cheio de expectativa de que possa recuperar o futebol que o levou a ser o melhor do mundo.

Assim, apostando em Ronaldinho Gaúcho, o Milan abre o Campeonato Italiano neste sábado, quando visita o Siena - no outro jogo do dia, o Bologna recebe a Fiorentina. E Leonardo inicia oficialmente a sua carreira como treinador. "Já me sinto muito mais forte, conhecendo bem o time", revelou o técnico brasileiro.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolMilanRonaldinho Gaúcho

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.