Leônidas pode ser obrigado a mudar a Lusa

Durante a semana, o discurso do técnico Leônidas Barbosa dos Santos era de que iria repetir a escalação do time da Portuguesa que ganhou do Juventus por 3 a 2, no domingo. Não queria fazer mudanças bruscas com apenas quatro dias de trabalho - substuiu Dario Pereyra, demitido na terça-feira. Mas a equipe ter novidades diante do Rio Branco, domingo, em Americana.Na tarde desta sexta-feira, durante o treino coletivo para confirmar a equipe, Leônidas teve de fazer uma mudança forçada. O meia Rodrigo Cabral sentiu dores da virilha da perna direita e acabou deixando a equipe. Será reavaliado no treino deste sábado e, caso seja vetado, dará lugar a Danilo.A Portuguesa ocupa o quarto lugar do grupo 1 do Paulista, com 9 pontos, e, em caso de vitória no domingo, ficaria muito próximo da vaga às quartas-de-final.Ciente da obrigação de um bom resultado, o treinador estuda uma fórmula para deixar o time mais ofensivo. Pode surpreender com as entradas do experiente Paulo Isidoro e do rápido Luciano Souza. Itaparica e Marcos Xavier, que haviam ganhado uma chance entre os titulares diante do Juventus, seriam os escolhidos para deixar a equipe titular.

Agencia Estado,

05 de março de 2004 | 19h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.