Stephane Mahe / Reuters
Stephane Mahe / Reuters

Lesão de Neymar mobiliza o mundo do futebol. Entenda o que se passa com o craque

Atacante corre o risco de voltar a jogar apenas às vésperas da Copa do Mundo

O Estado de S.Paulo

27 de fevereiro de 2018 | 15h28

A lesão sofrida por Neymar na vitória do Paris Saint-Germain sobre o Olympique de Marselha por 3 a 0, no último domingo, mobilizou o mundo do futebol. Embora o atacante não corra riscos de ficar fora da Copa do Mundo, se ele for operado só voltaria a jogar em maio, às vésperas do Mundial. A notícia de que ele seria submetido a uma cirurgia veio de Paris e foi publicada pelo portal Globo.com na manhã desta terça-feira. Hora depois, o técnico do Paris Saint-Germain, Unai Emery, disse que a cirurgia ainda não estava confirmada e que era preciso aguardar novos exames. Veja o que sabemos sobre o caso até agora:

+ Após contusões, Tite adia convocação da seleção para 12 de março

+ Lesão de Neymar é um dos principais assuntos do prêmio Laureus

A LESÃO

Neymar sofreu uma fissura no quinto metatarso do pé direito durante a vitória do Paris Saint-Germain sobre o Olympique de Marselha por 3 a 0, no domingo. O brasileiro pisou de mau jeito, caiu no gramado acusando muitas dores e precisou ser substituído, chorando muito. Ele saiu de maca.

CIRURGIA

O portal Globo.com publicou na manhã desta terça-feira que Neymar passará por cirurgia para colocar um pino na fissura no quinto metatarso do pé direito. De acordo com o portal, ainda não está decidido onde será a operação e com qual médico. Oficialmente, o estafe de Neymar, o Paris Saint-Germain e a CBF, no entanto, não confirmam a cirurgia.

O PROCEDIMENTO

Os médicos colocariam um pino na fissura. O tempo previsto de recuperação é de dois meses. Assim, Neymar voltaria jogar somente em maio, um mês antes da Copa do Mundo. Médicos apontam que a cirurgia garantiria uma melhor recuperação ao atleta.

O TÉCNICO

O técnico do Paris Saint-Germain, Unai Emery, não confirmou nesta terça-feira que Neymar passará por uma cirurgia. Na sua avaliação, ainda é cedo para apontar qual tratamento será adotado no processo de recuperação do jogador brasileiro.

O MÉDICO

O médico da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar, que estava na Rússia participando de um congresso da Fifa, viajou para Paris e vai examinar Neymar. Deverão ser realizados novos exames complementares no pé direito do jogador.

CONVOCAÇÃO

A CBF anunciou o adiamento em dez dias da convocação do Brasil para os jogos com a Rússia e Alemanha. Prevista para a próxima sexta-feira, 2, a lista será divulgada apenas no dia 12. Há pelo menos quatro selecionáveis que estão se recuperando de lesão no momento: Neymar, Fernandinho, Marquinhos e Marcelo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.