Reuters
Reuters

Lesão deixará Douglas Costa afastado do Bayern por mais três semanas

Contusão muscular tirou o jogador dos Jogos Olímpicos do Rio

Agência Estado, Estadão Conteúdo

19 de julho de 2016 | 11h25

O Bayern de Munique surpreendeu na segunda-feira da semana passada ao revelar que Douglas Costa estava fora da Olimpíada por conta de uma lesão muscular na coxa esquerda. Somente nesta terça, no entanto, o clube forneceu maiores detalhes sobre o problema e informou o período previsto de afastamento para o jogador: mais três semanas.

Douglas Costa havia sido um dos três nomes com mais de 23 anos convocados por Rogério Micale para a Olimpíada, ao lado de Neymar e Fernando Prass. Mas foi cortado e viu Renato Augusto ser chamado como terceiro jogador acima da idade limite.

Passado este episódio e depois de ter sido submetido a exames mais detalhados, Douglas Costa recebeu a notícia de que ainda ficará um bom tempo sem sequer poder treinar. O jogador, no entanto, não deve ser problema para a estreia no Campeonato Alemão contra o Werder Bremen, no dia 26 de agosto.

Até por isso, a lesão de Douglas Costa não preocupa o técnico Carlo Ancelotti, mesmo que um possível substituto do jogador, o holandês Arjen Robben, também tenha se contundido e esteja afastado por seis semanas. "Ainda temos tempo suficiente e estaremos em forma para o início da temporada", limitou-se a comentar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.