Lesão muscular tira Thiago Motta de partidas da Itália

Lesão muscular tira Thiago Motta de partidas da Itália

Além do brasileiro, De Rossi e Pablo Osvaldo também são cortados por contusões. A seleção italiana enfrenta Azerbaijão e Malta

Estadão Conteúdo

09 de outubro de 2014 | 10h32

O técnico Antonio Conte não poderá contar com o volante Thiago Motta nas duas partidas que a Itália fará nos próximos dias pelas Eliminatórias para a Eurocopa de 2016. O jogador do Paris Saint-Germain sofreu uma lesão muscular na coxa e não terá condições de enfrentar o Azerbaijão, na sexta-feira, e Malta, segunda que vem.

O corte do brasileiro naturalizado foi confirmado nesta quinta-feira pela Federação Italiana de Futebol (FIGC), que, no entanto, não especificou a lesão e nem o prazo previsto para a recuperação. Thiago Motta se tornou o segundo desfalque para o meio de campo da seleção, uma vez que De Rossi, também contundido, não atuará diante Azerbaijão e Malta.

Além de Thiago Motta, o atacante Pablo Osvaldo foi cortado nesta quinta. O jogador também sofreu uma lesão na coxa que o fará se ausentar das próximas duas partidas da seleção. Sem ele, Immobile, Zaza, Destro e Graziano Pelle são as opções de ataque para a Itália, já que Balotelli não foi convocado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.