Lesão no joelho de Mahamadou Diarra preocupa Fulham

O técnico Martin Jol revelou nesta quinta-feira temor com a contusão sofrida por Mahamadou Diarra. Ele explicou que o volante pode perder a maior parte do restante da temporada 2012/2013 do futebol europeu dependendo da gravidade da lesão no joelho do jogador.

AE-AP, Agência Estado

20 de setembro de 2012 | 15h09

Diarra se contundiu neste mês, quando estava defendendo a seleção do Mali, e precisará realizar cirurgia. A situação preocupa ainda mais o Fulham porque o time tem poucas opções para o meio-de-campo. "Se houver dano no ligamento cruzado, então vai demorar muito mais tempo - três, quatro, cinco meses, pelo menos", disse Jol.

O Fulham vendeu os meio-campistas Mousa Dembele, Danny Murphy e Dickson Etuhu na última janela de transferências, quando também perdeu Clint Dempsey, no último dia de negociações, para o Tottenham. Jol tem como opções Steve Sidwell e o recém-contratado Giorgos Karagounis para o meio-de-campo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolFulhamMahamadou Diarra

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.