Ina Fassbender/Reuters
Ina Fassbender/Reuters

Lesão tira lateral Schmelzer do Dortmund por quatro semanas

Alemão sofre uma distensão muscular na virilha diante do Zenit, em jogo da Liga dos Campeões

Agência Estado

20 de março de 2014 | 11h45

DORTMUND - Os problemas de lesões no Borussia Dortmund parecem não ter fim e, nesta quinta-feira, o técnico Jürgen Klopp ganhou mais um desfalque para as próximas partidas. O lateral-esquerdo Schmelzer sofreu uma distensão muscular na virilha diante do Zenit, na derrota por 2 a 1 da última quarta-feira, e por isso ficará afastado dos gramados pelas próximas quatro semanas.

Apesar da derrota para o Zenit, o Dortmund avançou às quartas de final da Liga dos Campeões da Europa, nas quais não poderá contar com Schmelzer. Há ainda a possibilidade de que o lateral perca a primeira partida da semifinal, caso a equipe avance. Jürgen Klopp também não poderá contar com o jogador em algumas partidas do Campeonato Alemão.

O Borussia Dortmund tem sofrido com as lesões nesta temporada e não vem contando com nomes como Gündogan, Bender, Subotic e Blaszczykowski. Ao longo dos últimos meses, a equipe também perdeu Hümmels e Piszczek, que se recuperaram. O próprio Schmelzer já havia ficado afastado de algumas partidas por problemas físicos.

A única boa notícia ficou por conta do meia Marco Reus, um dos principais nomes do Dortmund. O jogador ficou de fora do duelo de quarta contra o Zenit, mas está bem fisicamente e deve voltar neste sábado diante do Hannover, pelo Alemão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.