Lesionado, Rodrigo Dourado é cortado da seleção olímpica e volta ao Inter

Mais uma vez a seleção brasileira olímpica causou calafrios na comissão técnica do Internacional na última quinta-feira. Depois do meia Valdivia sofrer grave lesão no joelho - da qual ainda se recupera - atuando pelo País no fim do ano passado, foi a vez do volante Rodrigo Dourado se contundir a serviço do time de Rogério Micale.

Estadão Conteúdo

25 de março de 2016 | 11h48

Rodrigo Dourado acusou dores na virilha no segundo tempo da derrota para a Nigéria na última quinta, em Cariacica, e precisou ser substituído. Depois de um prognóstico inicial, o jogador foi cortado da seleção e imediatamente encaminhado de volta a Porto Alegre para realizar novos exames.

"Rodrigo Dourado, meia da seleção olímpica, está desconvocado da equipe que enfrentará a África do Sul, no domingo, em Maceió. O jogador retornou a Porto Alegre já nesta sexta-feira para realizar exames em virtude das dores musculares que sentiu durante a partida contra a Nigéria, na última quinta-feira, no Espírito Santo", informou a CBF em nota.

Conforme o comunicado divulgado pela entidade, Rodrigo Dourado não terá condições de defender a seleção olímpica diante da África do Sul, em novo amistoso que será disputado domingo, em Maceió. A tendência é que nenhum outro nome seja chamado para seu lugar.

Tudo o que sabemos sobre:
CBFInternacionalOlimpíadaFutebol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.