Luiz Munhoz/Fato Press
Luiz Munhoz/Fato Press

Lesionado, capitão Rodrigo Dourado vai desfalcar o Inter contra a Chapecoense

Técnico Odair Hellmann deverá escalar Gabriel Dias como substituto no time titular

Estadão Conteúdo

15 Setembro 2018 | 20h40

Com dores no pé direito que o impediram de treinar nos últimos dias, o volante Rodrigo Dourado, capitão do Internacional, foi confirmado neste sábado pelo clube como desfalque do time para o jogo contra a Chapecoense, às 20 horas de segunda-feira, na Arena Condá, em Chapecó (SC), que fechará a 25.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Atual líder do Brasileirão, a equipe colorada realizou na manhã deste sábado o último treino na capital gaúcha antes de viajar à tarde para Santa Catarina, onde realizará neste domingo um treinamento final de preparação para o duelo do dia seguinte.

Sem poder contar com Rodrigo Dourado, o técnico Odair Hellmann deverá escalar Gabriel Dias como substituto no time titular. Outra novidade será o retorno do lateral-esquerdo Iago, que volta de suspensão. Já o atacante Rossi recebeu o terceiro cartão amarelo na rodada passada e não estará à disposição.

Depois do treino deste sábado, o lateral-direito Zeca concedeu entrevista coletiva e alertou para o Inter não se iludir com o seu favoritismo, assim como lembrou que o confronto em Chapecó deverá ser complicado. "É muito difícil jogar lá, a Chapecoense ganhou o último jogo que fez lá e os jogadores estão motivados. Temos que ter atenção, mas treinamos bem na semana para não sermos surpreendidos", ressaltou.

O último treino do Inter para o jogo de segunda-feira será realizado no CT da própria Chapecoense, cujo time superou o Atlético-PR por 2 a 1, na última quinta-feira, na Arena Condá, em confronto atrasado da 20ª rodada do Campeonato Brasileiro.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.