Lesionado, equatoriano Valencia não jogará contra o Brasil

O principal jogador do Equador ficará de fora do último jogo da seleção no Grupo B da Copa América contra o Brasil na quarta-feira por conta de uma lesão no tornozelo, disseram médicos da equipe nesta segunda-feira.

REUTERS

12 de julho de 2011 | 09h50

Poderá ser a última partida do Equador no torneio na Argentina. Eles estão em último lugar no grupo, um ponto atrás do Brasil e do Paraguai e três atrás dos inesperados líderes da chave, a Venezuela.

"Valencia ainda está sentindo muita dor em seu tornozelo esquerdo", disse o fisioterapeuta da equipe, Tony Ocampo, a jornalistas durante a sessão de treino do Equador em Córdoba, e o médico Patricio Maldonado confirmou o veredicto sobre o meia-atacante.

O jogador do Manchester United sofreu um pisão de um adversário durante o jogo contra o Paraguai, em Santa Fé, em que a seleção equatoriana empatou em 0 x 0. Ele também ficou de fora do segundo jogo, uma derrota no sábado contra a Venezuela, por 1 x 0.

Valencia, substituído por Michael Arroyo no jogo contra a Venezuela, sofreu graves contusões no mesmo local onde fez uma cirurgia no ano passado após quebrar e deslocar seu tornozelo em um jogo da Liga dos Campeões pelo United.

O Equador enfrenta o Brasil na quarta-feira (21h45 horário de Brasília) no estádio Mario Alberto Kempes, onde a seleção brasileira empatou em 2 x 2 contra o Paraguai no sábado.

(Reportagem de Rex Gowar)

Tudo o que sabemos sobre:
FUTVALENCIALESIONADO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.