Lesionado, Lucas deve desfalcar Liverpool por três meses

O volante Lucas Leiva voltará a desfalcar o Liverpool por um longo período. Nesta quarta-feira, o técnico Brendan Rodgers confirmou que o jogador brasileiro vai ficar afastado dos gramados por até três meses após sofrer uma lesão muscular na coxa direita. Lucas perdeu a segunda metade da temporada 2011/2012 do futebol europeu após realizar uma cirurgia no joelho em dezembro, o que o deixou oito meses afastado dos gramados.

AE, Agência Estado

29 de agosto de 2012 | 12h34

A nova contusão do volante brasileiro ocorreu no último domingo, aos cinco minutos do primeiro tempo da partida entre Liverpool e Manchester City, disputada em Anfield Road, que terminou empatada por 2 a 2 e foi válida pela segunda rodada do Campeonato Inglês.

Rodgers explicou que Lucas será examinado por um especialista ainda nesta quarta-feira, quando serão apontados os detalhes da contusão. "As indicações são de dois ou três meses. vamos ver se ele precisa de uma operação ou se é apenas a recuperação", afirmou.

Lucas admitiu ter ficado abatido com a nova lesão sofrida no Liverpool. "Estou muito chateado, mas agora preciso colocar a cabeça no lugar e esperar pra ter uma ideia da gravidade da lesão nos próximos dias", escreveu no seu perfil no Twitter. "Não tenho palavras para descrever o que se passa na minha cabeça neste momento, mas tenho que acreditar que melhores dias virão", concluiu.

A lesão de Lucas pode abrir espaço para Nuri Sahín ganhar uma vaga no meio-de-campo do Liverpool, mesmo que o turco atue mais adiantado do que o brasileiro. Contratado junto ao Real Madrid por empréstimo de um ano, o volante pode estrear pelo clube no próximo domingo, em Anfield Road, contra o Arsenal, pela terceira rodada do Campeonato Inglês.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolLiverpoolLucas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.