Miguel Ruiz/Divulgação
Miguel Ruiz/Divulgação

Lesionado, Neymar ficará de três a quatro semanas sem jogar

Atacante machucou tornozelo direito em vitória do Barcelona contra o Getafe

AE, Agência Estado

17 de janeiro de 2014 | 12h05

BARCELONA - Depois de se machucar na vitória por 2 a 0 sobre o Getafe, na última quinta-feira, fora de casa, onde o Barcelona garantiu vaga nas quartas de final da Copa do Rei, Neymar voltou ao clube nesta sexta precisando do auxílio de muletas para se movimentar. E, pouco depois de sua chegada, o clube informou que o atacante ficará de três a quatro semanas afastado dos gramados após ter torcido o seu tornozelo direito.

Por causa da lesão, sofrida ainda no primeiro tempo, Neymar precisou deixar o gramado carregado. Aos 19 minutos de jogo, o brasileiro arrancou para linha de fundo e acabou se machucando ao tentar fazer um cruzamento. Pouco depois, o departamento médico do Barça informou que ele teve uma torção no tendão peroneal do tornozelo direito.

Neymar passou por exames nesta sexta-feira, que acabaram determinando o tempo previsto de afastamento. Como ficará no mínimo três semanas afastado, o Barcelona enfatizou, por meio de nota oficial, que já é certo que o astro não poderá defender a equipe nos duelos diante de Levante, Málaga e Valencia, todos pelo Campeonato Espanhol, assim como de um outro jogo contra o Levante, pelas quartas de final da Copa do Rei.

Como poderá ficar até quatro semanas afastado, Neymar também virou dúvida para o jogo de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões, contra o Manchester City, no dia 18 de fevereiro. O jogador, porém, não deverá ser motivo de preocupação para o técnico Luiz Felipe Scolari, que espera escalar o jogador no amistoso que a seleção brasileira fará contra a África do Sul, no dia 5 de março, no Soccer City, em Johannesburgo.

Sem poder contar com Neymar, o Barcelona também luta para recuperar Iniesta. O meia ficou fora do jogo da última quinta, contra o Getafe, após lesionar o joelho esquerdo no clássico diante do Atlético de Madrid, no último sábado. Nesta sexta-feira pela manhã, ele fez apenas um trabalho em separado do elenco do Barça e ainda não se sabe se poderá pegar o Levante, neste domingo, pelo Espanhol.

Tudo o que sabemos sobre:
futinterfutebolBarcelonaNeymar

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.