Levir critica violência da Série B

O técnico Levir Culpi demonstrou preocupação com a violência dentro dos campos no futebol brasileiro. Segundo ele, os jogadores do Botafogo estão sofrendo com isso, pois ao término de cada partida, sempre tem alguém reclamando de dores por causa de jogadas mais desleais dos adversários."Estamos cientes de que na Série B do Campeonato Brasileiro o nível técnico é um pouco mais baixo. O excesso de faltas prejudica o espetáculo", afirmou Levir, ressaltando que equipes como Botafogo e Palmeiras sofrem mais por serem conhecidas em todo o Brasil."Enfrentar times grandes motiva os jogadores de clubes pequenos. Cabe aos árbitros coibirem a violência e proteger quem quer jogar", disse o treinador do Botafogo. Levir pediu aos seus comandados para que não revidem as jogadas desleais. "Quero 11 homens em campo dando o troco na bola."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.