Bruno Teixeira / Ag. Corinthians
Bruno Teixeira / Ag. Corinthians

Libertadores Feminina 2019: grupos, times, onde assistir, premiação e mais informações

Corinthians e Ferroviária são os representantes brasileiros da competição que começa nesta sexta-feira

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

10 de outubro de 2019 | 14h06

Corinthians e Ferroviária serão os dois representantes do Brasil na Libertadores feminina, que começa nesta sexta-feira no Equador. O time alvinegro estreia no sábado, às 19h (de Brasília), diante das equatorianas do Club Ñañas. A equipe de Araraquara fará sua estreia nesta sexta, às 21h30, contra o Mundo Futuro, da Bolívia.

As duas equipes possuem um título cada no torneio. A Ferroviária venceu a Libertadores em 2015 e o Corinthians em 2017, quando montou um time em parceria com o Audax. A seguir, preparamos um Raio X do torneio que acontecerá em meio a onda de protestos no Equador.

Qual o valor da premiação da Libertadores Feminina?

O campeão vai levar US$ 85 mil (R$ 348 mil), prêmio recorde na história da competição. O vice leva US$ 50 mil (R$ 204,7 mil) e o terceiro ganha US$ 30 mil (122,8 mil). Todos os participantes vão receber US$ 7,5 mil (R$ 30,7 mil)

Onde assistir a Libertadores Feminina 2019?

Todos os jogos do Corinthians e da Ferroviária serão transmitidos pelo canal de streaming DAZN.

Quais são os times da Libertadores Feminina 2019?

  • UAI Urquiza (Argentina)
  • Mundo Futuro (Bolívia)
  • Corinthians (Brasil)
  • Ferroviária (Brasil)
  • Santiago Morning (Chile)
  • Colo-Colo (Chile)
  • Independiente Medellín (Colômbia)
  • América de Cali (Colômbia)
  • Deportivo Cuenca (Equador)
  • Ñañas (Equador)
  • Cerro Porteño (Paraguai)
  • Libertad (Paraguai)
  • Municipalidad de Majes (Peru)
  • Peñarol (Uruguai)
  • Estudiantes de Caracas (Venezuela)

Por que Corinthians e Ferroviária estão na Libertadores?

O Corinthians garantiu a vaga por ter conquistado o Campeonato Brasileiro do ano passado. O Rio Preto, vice do Brasileiro, deixou de existir e o Flamengo, terceiro colocado, decidiu não jogar o torneio. Assim, a Ferroviária, quarta colocadao, foi quem herdou a vaga.

Quais são os grupos da Libertadores Feminina?

  • Grupo A: Atlético Huila-COL, Peñarol-URU, Cerro Porteño-PAR e Colo-Colo
  • Grupo B: Deportivo Cuenca-EQU, Estudiantes de Caracas (VEN), Mundo Futuro-BOL e Ferroviária-BRA
  • Grupo C: Corinthians-BRA, Ñañas-EQU, América de Cali-COL e Libertad-PAR
  • Grupo D: Santiago Morning-CHI, UAI Urquiza-ARG, Municipalid de Majes-PER e Independiente Medellín-COL

Quem foi campeão da Libertadores Feminina de 2018?

O campeão foi o Atlético Huila, da Colômbia. O time colombiano derrotou o Santos na final. A partida acabou 1 a 1 no tempo normal e os colombianos venceram por 5 a 3 nos pênaltis.

Qual clube é o maior vencedor da Libertadores Feminina?

O São José, do Brasil, é quem mais venceu a competição, com três conquistas. Completam a lista os seguintes clubes: Santos (2), Colo-Colo-CHI, Atlético Huila-COL, Corinthians-Audax, Sportivo Limpeño-PAR e Ferroviária (todos com um título).

Para Entender

Programação de tv

Veja as principais atrações esportivas do dia

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.