Bruno Teixeira / Ag. Corinthians
Bruno Teixeira / Ag. Corinthians

Libertadores Feminina 2019: grupos, times, onde assistir, premiação e mais informações

Corinthians e Ferroviária são os representantes brasileiros da competição que começa nesta sexta-feira

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

10 de outubro de 2019 | 14h06

Corinthians e Ferroviária serão os dois representantes do Brasil na Libertadores feminina, que começa nesta sexta-feira no Equador. O time alvinegro estreia no sábado, às 19h (de Brasília), diante das equatorianas do Club Ñañas. A equipe de Araraquara fará sua estreia nesta sexta, às 21h30, contra o Mundo Futuro, da Bolívia.

As duas equipes possuem um título cada no torneio. A Ferroviária venceu a Libertadores em 2015 e o Corinthians em 2017, quando montou um time em parceria com o Audax. A seguir, preparamos um Raio X do torneio que acontecerá em meio a onda de protestos no Equador.

Qual o valor da premiação da Libertadores Feminina?

O campeão vai levar US$ 85 mil (R$ 348 mil), prêmio recorde na história da competição. O vice leva US$ 50 mil (R$ 204,7 mil) e o terceiro ganha US$ 30 mil (122,8 mil). Todos os participantes vão receber US$ 7,5 mil (R$ 30,7 mil)

Onde assistir a Libertadores Feminina 2019?

Todos os jogos do Corinthians e da Ferroviária serão transmitidos pelo canal de streaming DAZN.

Quais são os times da Libertadores Feminina 2019?

  • UAI Urquiza (Argentina)
  • Mundo Futuro (Bolívia)
  • Corinthians (Brasil)
  • Ferroviária (Brasil)
  • Santiago Morning (Chile)
  • Colo-Colo (Chile)
  • Independiente Medellín (Colômbia)
  • América de Cali (Colômbia)
  • Deportivo Cuenca (Equador)
  • Ñañas (Equador)
  • Cerro Porteño (Paraguai)
  • Libertad (Paraguai)
  • Municipalidad de Majes (Peru)
  • Peñarol (Uruguai)
  • Estudiantes de Caracas (Venezuela)

Por que Corinthians e Ferroviária estão na Libertadores?

O Corinthians garantiu a vaga por ter conquistado o Campeonato Brasileiro do ano passado. O Rio Preto, vice do Brasileiro, deixou de existir e o Flamengo, terceiro colocado, decidiu não jogar o torneio. Assim, a Ferroviária, quarta colocadao, foi quem herdou a vaga.

Quais são os grupos da Libertadores Feminina?

  • Grupo A: Atlético Huila-COL, Peñarol-URU, Cerro Porteño-PAR e Colo-Colo
  • Grupo B: Deportivo Cuenca-EQU, Estudiantes de Caracas (VEN), Mundo Futuro-BOL e Ferroviária-BRA
  • Grupo C: Corinthians-BRA, Ñañas-EQU, América de Cali-COL e Libertad-PAR
  • Grupo D: Santiago Morning-CHI, UAI Urquiza-ARG, Municipalid de Majes-PER e Independiente Medellín-COL

Quem foi campeão da Libertadores Feminina de 2018?

O campeão foi o Atlético Huila, da Colômbia. O time colombiano derrotou o Santos na final. A partida acabou 1 a 1 no tempo normal e os colombianos venceram por 5 a 3 nos pênaltis.

Qual clube é o maior vencedor da Libertadores Feminina?

O São José, do Brasil, é quem mais venceu a competição, com três conquistas. Completam a lista os seguintes clubes: Santos (2), Colo-Colo-CHI, Atlético Huila-COL, Corinthians-Audax, Sportivo Limpeño-PAR e Ferroviária (todos com um título).

Para Entender

Programação de tv

Veja as principais atrações esportivas do dia

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.