Líder Paulista faz Jundiaí vibrar com time

A vitória histórica do Paulista de Jundiaí sobre o Santos, por 4 a 0, no estádio Jaime Cinta, fez o torcedor do "Galo" ir à loucura. Os jornais locais definiram a conquista da liderança do Grupo 2, com 19 pontos contra 17 do próprio Santos, como um "show" e que o tricolor deixou o adversário "de quatro". Em entrevista coletiva ao final do jogo, o treinador Emerson Leão comentou que o "Santos não perdeu, apanhou do Paulista".O zagueiro Asprilla disse que o técnico Zetti pediu à sua equipe para jogar o "jogo da nossa vida. Ele comentou que queria estar no nosso lugar, jogando também". Já o atacante Canindé, que atuou no Santos e, não foi aproveitado, fez duas jogadas sensacionais, sendo que em uma converteu o gol, passando a bola por debaixo das pernas do zagueiro André Luís e por cobertura sobre o goleiro Doni. Canindé afirmou à imprensa que merecia uma medalha ou uma placa pelo gol que fez. "Foi uma jogada incrível. Eu vi o Doni adiantado e aproveitei".Para Zetti, o segredo da vitória sobre o Santos foi jogar como o próprio Santos. Ele mostrou várias fitas de vídeos aos jogadores e pediu marcação forte. Asprilla contou que falhou uma vez, escorregando em campo molhado por causa da chuva, mas promete que nunca mais vai falhar. "O Zetti tem sido um professor. Ele pediu para a gente jogar simples e sério, sem brincar".Asprilla disse ainda que o jogo, além de servir para o Paulista liderar o campeonato, foi também para "holandês ver", já que a diretoria tem recebido holandeses do PSV, como o diretor técnico, Hans Van Der Zee. O objetivo é promover um intercâmbio com troca de jogadores e financiamentos das categorias de base em Jundiaí.O presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Marco Polo Del Nero, ficou encantado com a vitória do Paulista: "Foi uma beleza", comentou. Os torcedores, nas ruas de Jundiaí, tiveram outro motivo para comemorar. A Gamor, torcida organizada, conseguiu na estréia como escola de samba do Carnaval de rua da cidade subir para a Divisão Especial.Retorno - Zetti marcou para esta sexta-feira o retorno dos jogadores aos treinamentos. Ele deve manter a mesma equipe da vitória contra o Santos para o jogo em que enfrentará o Mogi-Mirim, em Jundiaí. Nesta quinta-feira a equipe realizou um relaxamento muscular em uma piscina de uma academia da cidade.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.