Líder, Ponte vive dia de preocupação

Apesar da liderança da Ponte Preta no Campeonato Brasileiro, com 10 pontos, o clima no estádio Moisés Lucarelli era tenso e de preocupação. Tudo por causa do julgamento no STJD do Rio de Janeiro. Para evitar desgaste dos jogadores relacionados com este fato, a comissão técnica deu folga geral. O time, porém, volta aos treinamentos nesta terça-feira, em dois períodos.O técnico Estevam Soares vai começar a definir o time para enfrentar o Palmeiras, sábado, no Parque Antártica. O volante Romeu, recuperado de forte gripe, deve recuperar a camisa no time. O mesmo pode não acontecer com o zagueiro Luiz Carlos, que cumpriu suspensão automática na vitória de 2 a 1 sobre o Atlético Mineiro, no Estádio Independência. Acontece que Gustavo estreou muito bem e pode continuar como titular ao lado de Alexandre, ainda vinculado ao Palmeiras. O veterano atacante Macedo, finalmente, teve seu nome relacionado no BID (Boletim Informativo Diário) e será opção para o banco de reservas.Estevam acompanhou a goleada do adversário sobre o Corinthians, por 4 a 0, e ficou preocupado. "Só confirmei o que pensava: o Palmeiras é um time de pegada e muito rápido no ataque, principalmente com Vágner Love e Muñoz", avaliou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.