Liderança aumentou motivação do Cruzeiro, diz Fabrício

A vitória sobre o Fluminense por 1 a 0 colocou o Cruzeiro na liderança do Campeonato Brasileiro e aumentou a motivação da equipe para a reta final do torneio, de acordo com Fabrício. Segundo o volante, o esforço será dobrado para manter a dianteira até o encerramento da competição.

AE, Agência Estado

12 de outubro de 2010 | 15h15

"A motivação aumenta, nós assumimos a liderança, ainda não tínhamos chegado nela e agora que pegamos, o gostinho é muito bom. Mas sabemos da responsabilidade, todo mundo quer tirar uma casquinha do líder e sabemos disso. Vamos continuar nos ajudando, trabalhando para conseguir nosso objetivo final", afirmou.

Fabrício ressaltou, porém, que não existe qualquer sinal de euforia no elenco cruzeirense, já que ainda falta muito para a definição do campeão brasileiro. "São 27 pontos ainda a serem disputados. Muita coisa pode acontecer, muitos jogos difíceis. Vamos enfrentar adversários que sonham com a Libertadores, sonham com o título e aqueles que estão na zona de rebaixamento e têm qualidade. Então, é continuar com humildade e pé no chão trabalhando", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.