Jonne Roriz/AE
Jonne Roriz/AE

Líderes encaram duras missões na abertura do returno

Palmeiras pega o Coritiba e tenta abrir vantagem, às 21h50, com Corinthians, São Paulo e Santos em campo

AE, Agência Estado

19 de agosto de 2009 | 08h03

A 20.ª rodada do Campeonato Brasileiro, a primeira do returno, será aberta nesta quarta-feira com sete partidas (acompanhe aqui no estadao.com.br a partir das 19h30). Nelas, três dos quatro times que integram o G-4 - grupo dos clubes que hoje estariam classificados à Copa Libertadores da América - entram em campo em confrontos que prometem ser complicados. E cada um com seu desafio.

Veja também:

som AO VIVO - Ouça na Eldorado/ESPN - AM 700/FM 107,3

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabela Classificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

O líder Palmeiras, que não perde a ponta mesmo em caso derrota, viaja até Curitiba para enfrentar o instável Coritiba. Sem jogadores importantes do elenco - casos do goleiro Marcos e do meia Diego Souza -, o time paulista terá pela frente uma equipe ameaçada pelo rebaixamento, que vem de bons jogos seguidos de exibições sofríveis.

 OS JOGOS DA 20.ª RODADA
 Quarta-feira

 19h30 - Santos x Grêmio documento 

 19h30 - Botafogo x Santo André documento 

 19h30 - Vitória x Atlético-PR documento 

 21 horas - Barueri x Sport Recife documento 

 21h50 - Coritiba x Palmeiras documento 

 21h50 - Internacional x Corinthians documento 

 21h50 - São Paulo x Fluminense documento 

 Quinta-feira

 21 horas - Flamengo x Cruzeiro

 21 horas - Náutico x Goiás

 21 horas - Atlético-MG x Avaí

O Goiás, segundo colocado, só joga na quinta - contra o Náutico, no Recife -, mas corre o risco de perder uma ou duas posições. Isso porque Internacional e São Paulo, que estão em sua cola (apenas dois pontos atrás), jogam em casa, com o apoio de suas torcidas, nesta quarta.

O clube gaúcho, embalado por um título de um torneio no Japão e por duas vitórias seguidas no campeonato, entra em campo contra o Corinthians com uma motivação a mais. Quer vingar a derrota na decisão da Copa do Brasil para a equipe paulista.

O mesmo sentimento pode ser visto no São Paulo, que pega o Fluminense. O torcedor e boa parte do elenco tricolor ainda não esqueceu da eliminação nas quartas de final da Libertadores do ano passado, quando o centroavante Washington (hoje no time do Morumbi) marcou o gol já nos acréscimos do segundo tempo. Com o rival carioca na penúltima colocação, o são-paulino quer unir o útil ao agradável com uma vitória.

Um pouco mais atrás dos líderes, mas disposto a recuperar terreno e ficar mais perto do G-4, Grêmio e Barueri também jogam nesta quarta. O time gaúcho tem uma parada complicada - enfrenta o Santos, que precisa reagir, na Vila Belmiro. A equipe paulista joga em casa contra um desestabilizado Sport, o lanterna da competição.

Mais dois jogos completam a rodada de quarta e envolvem clubes que estão do meio para baixo na tabela de classificação. Em Salvador, o Vitória busca a reabilitação contra o embalado Atlético Paranaense, que venceu suas últimas quatro partidas. E, no Rio de Janeiro, o Botafogo encara o Santo André.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.