Liedson pressente fim do jejum de gols

Liedson pressente que o jejum de gols está próximo do fim. A boa atuação contra o Atlético Mineiro, domingo, no Mineirão, foi um bom sinal. O atacante sofreu o pênalti no lance do primeiro gol, marcado por Rogério, e fez a jogada que culminou no segundo, de Gil. Os cinco jogos sem marcar incomodam, mas Liedson tenta ver a situação de forma positiva. "É óbvio que a situação me incomoda, mas sei que os gols voltarão a sair a qualquer momento", observa o atacante. O último foi contra o Fluminense, na vitória por 1 a 0, em 29 de junho. Já são seis jogos sem marcar: Atlético-PR, Santos, Atlético-MG (pela Copa Sul-Americana), Paraná, Figueirense e Atlético-MG (pelo Campeonato Brasileiro). Na segunda quinzena de junho o atacante viajou para a Ucrânia, onde deveria assinar contrato com o Dínamo de Kiev. Não houve acordo e ele voltou ao Corinthians. Agora, é o Lyon que ameaça contratá-lo. Liedson nega que toda essa indefinição esteja atrapalhando o seu desempenho. "Não é verdade. Estou com a cabeça só no Corinthians." O atacante até decidiu esquecer temporariamente sair do Corinthians."Estou bem no Corinthians. E quero ficar".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.