Liedson ressalta evolução do Corinthians na reta final

Artilheiro do Paulistão, com 11 gols marcados, o atacante Liedson acredita que o Corinthians cresceu de produção na hora decisiva. Depois da vitória sobre o Oeste, no último sábado, pelas quartas de final do campeonato estadual, ele avalia que o time corintiano está pronto para encarar o rival Palmeiras, no domingo, no Pacaembu, na luta pela vaga na decisão.

AE, Agência Estado

27 de abril de 2011 | 20h38

"Amadurecemos bastante. O time está crescendo, criamos várias chances contra o Oeste, quatro ou cinco reais de gol. E vamos chegar bem no domingo, apesar de ser um jogo totalmente diferente do Oeste", disse Liedson, que, ainda na fase de classificação do Paulistão, chegou a reclamar que a bola não estava chegando ao ataque - ele passou três jogos sem marcar gols.

Agora, além da evolução do time, Liedson conta com uma boa recordação diante do Palmeiras. Ele já enfrentou o rival numa semifinal de Paulistão. Foi em 2003, na sua primeira passagem pelo Corinthians, quando marcou dois gols - um em cada jogo do confronto - e foi decisivo para a classificação corintiana. "Me traz lembranças boas", admitiu o atacante.

Liedson, porém, reconhece a força palmeirense nesta edição do Paulistão e manda um recado para os seus companheiros. Segundo ele, não adianta se preocupar apenas com Valdivia e Kléber, os dois principais jogadores do rival. "O Palmeiras conta com grandes jogadores que podem decidir com bola parada ou lance normal. Temos de nos preocupar com o grupo todo", avisou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansLiedson

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.