Liedson vai à justiça contra o Corinthians

O atacante Liedson entrou nesta quarta-feira com uma ação contra o Corinthians na tentativa de resolver o impasse em que se transformou sua transferência para o Sporting, de Lisboa. A advogada do jogador, Gislaine Nunes, pediu ao juiz que conceda uma liminar que autorize a transferência, uma vez que o prazo das inscrições para os clubes europeus se esgota no próximo dia 31. ?Aguardo a liberação para breve, afinal, o direito ao trabalho é protegido pela Constituição Federal?, argumenta.O Corinthians alega que teria direito a uma parte dos valores que o jogador receberia do time português. Segundo a advogada, ?se tem direito ou não isso deve ser discutido na esfera competente. O que o clube não pode é impedir o jogador de exercer sua profissão?.Na verdade, os dirigentes corintianos estão desconfiados dos números apresentados pelos procuradores do atleta. Segundo os dados encaminhados pelo Prudentópolis - que detém 70% dos direitos federativos do jogador - Liedson teria sido negociado por 2 milhões de euros. A página oficial do Sporting na internet, no entanto, informa que o jogador custou três milhões de euros.De acordo com o contrato, o Corinthians teria direito a uma porcentagem caso o valor da transferência ultrapassasse R$ 7 milhões. Diante disso, a diretoria do Alvinegro garante que só libera a documentação do jogador depois de receber informações oficiais do Sporting a resperito do valor da transação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.