Patricia de Melo Moreira/AFP
Patricia de Melo Moreira/AFP

Liga das Nações terá 'grupo da morte' com Portugal, França e Croácia

Outra chave bastante equilibrada reúne Alemanha, Ucrânia, Espanha e Suíça

Redação, Estadao Conteudo

03 de março de 2020 | 18h09

A Uefa sorteou nesta terça-feira, em Amsterdã, na Holanda, os grupos da Liga das Nações da temporada 2020/2021, que começa no próximo dia 3 de setembro. Atual campeão do torneio, Portugal caiu no grupo mais difícil, o 3, ao lado de França e Croácia, finalistas da última Copa do Mundo, em 2018, na Rússia, e da Suécia.

Outra chave bastante equilibrada reúne Alemanha, Ucrânia, Espanha e Suíça. Os alemães continuaram na primeira divisão após uma mudança no regulamento promovida pela Uefa em setembro do ano passado. A entidade ampliou o número de seleções na elite de 12 para 16, evitando o rebaixamento da seleção alemã.

Com isso, Croácia, Islândia e Polônia também se beneficiaram. Os poloneses estão no Grupo 1, com Bósnia Herzegovina, Itália e Holanda. Os islandeses foram para o Grupo 2, ao lado de Dinamarca, Bélgica e Inglaterra.

Apenas os primeiros colocados de cada grupo avançam à semifinal, que acontece em junho de 2021, com um país anfitrião sendo escolhido entre os quatro classificados. A Uefa ainda confirmou que, desta vez, o último lugar de cada grupo será rebaixado.

A segunda divisão também terá 16 seleções, divididas em quatro grupos. No B1 estão Áustria, Noruega, Irlanda do Norte e Romênia. República Checa, Escócia, Eslováquia e Israel foram sorteados para o B2 e Rússia, Sérvia, Turquia e Hungria para o B3. O B4 será formado por País de Gales, Finlândia, Irlanda e Bulgária.

Os vencedores dos grupos serão promovidos à elite e os quatro últimos de cada chave serão rebaixados à terceira divisão, que também vai contar com 16 seleções. A quarta e última divisão terá apenas sete equipes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.