Eric Gailard/Reuters
Eric Gailard/Reuters

Liga decide manter Campeonato Francês com 20 clubes e rebaixa Amiens e Toulouse

Reunião entre dirigentes reitera resultado final do campeonato em decisão com 75% de aprovação

Redação, Estadão Conteúdo

23 de junho de 2020 | 12h23

Após uma reunião por videoconferência nesta terça-feira, a Assembleia Geral da Liga de Futebol Profissional da França (LFP, na sigla em francês) aprovou a manutenção do formato da primeira divisão do Campeonato Francês com 20 clubes na próxima temporada. Com isso, foi confirmado o rebaixamento de Amiens e Toulouse.

A decisão, que teve quase 75% de aprovação por parte dos membros da Assembleia Geral, foi tomada após a análise dos desafios de se realizar o Campeonato Francês com 20, 21 ou 22 clubes na temporada 2020/2021, levando em consideração a saúde dos jogadores, impactos financeiros e questões contratuais com transmissores dos jogos.

"A votação foi feita após analisar os desafios de se realizar o Campeonato Francês com 20, 21 ou 22 clubes na temporada 2020/2021. E examinamos também questões como a saúde dos jogadores, os impactos financeiros e os contratos de transmissão dos jogos", informou a LFP em um comunicado oficial divulgado nesta terça-feira.

No último dia 9, o Conselho de Estado da França, a mais alta jurisdição administrativa do país, decidiu que Amiens e Toulouse não poderiam ser rebaixados. Mas o pedido do Lyon para a retomada da temporada 2019/2020 foi rejeitado e o mesmo Conselho ordenou que a LFP reexaminasse a questão do formato do Campeonato Francês com 22 clubes até o próximo dia 30, o que aconteceu nesta terça-feira.

No dia 30 de abril, a LFP formalizou o final do Campeonato Francês, com o Paris Saint-Germain como campeão. Foi credenciado ao Olympique de Marselha o segundo lugar, classificando o time diretamente para a fase de grupos da próxima Liga dos Campeões da Europa. O Rennes ficou em terceiro, garantindo pela primeira vez na sua história uma vaga na competição, ainda que na fase preliminar. Só duas equipes foram rebaixadas, no caso Amiens e Toulouse. A temporada havia sido interrompida no dia 8 de março por causa da pandemia do novo coronavírus.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.