Nicolas Tucat/AFP
Nicolas Tucat/AFP

Liga francesa vai investigar declarações ofensivas de Ibra

Atacante sueco do PSG detona arbitragem e acaba ofendendo país

Estadão Conteúdo

16 Março 2015 | 10h20

Conhecido por suas declarações bombásticas, o atacante Zlatan Ibrahimovic se tornou protagonista de mais uma polêmica no fim de semana. Depois da derrota do Paris Saint-Germain para o Bordeaux, no último domingo, pelo Campeonato Francês, o sueco criticou a arbitragem e ofendeu até mesmo o país que o acolheu nos últimos anos. As declarações geraram grande repercussão na França e podem prejudicar o jogador.

Nesta segunda-feira, o comitê disciplinar do Campeonato Francês confirmou que vai se reunir ainda durante a semana para discutir uma possível punição a Ibrahimovic. Se for considerado culpado, o atacante pode ser suspenso de algumas partidas do PSG.

Imagens gravadas já na saída dos jogadores para o vestiário flagraram Ibrahimovic extremamente irritado, reclamando aos berros do juiz Lionel Jaffredo. "Em 15 anos como jogador de futebol, jamais vi um árbitro assim. Este país de m... não merece ter um time como o PSG. Somos muito bons para este país", disse em inglês.

As críticas ao país geraram revolta em parte da população e o ministro do Esporte, Patrick Kanner, chegou a exigir que o atacante se desculpasse, o que aconteceu. Ainda assim, a polêmica continua. Marine Le Pen, líder da Frente Nacional, partido local de extrema-direita, já pediu que Ibrahimovic deixe a França imediatamente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.