Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Liminar tira Mineiro do São Caetano

A Ponte Preta promete liberar o volante Mineiro para atuar no São Caetano somente após um acordo. O time conseguiu no último dia 2 de fevereiro (segunda-feira), na 6ª Vara do Trabalho de Campinas, revogar a liminar que dava condições do jogador defender o time do ABC. A audiência foi julgada pela juíza Luciana Nasr.Segundo o advogado ponte-pretano, Renato Ferraz, o empréstimo de Mineiro ao São Caetano se encerrou no dia 31 de dezembro de 2003. O atleta deveria ter se apresentado a Ponte, juntamente com o restante do elenco, no dia 5 de janeiro. No entanto, ele entrou com uma liminar na 6ª Vara e conseguiu sua liberação no dia 14 de janeiro com a juíza Luciana Kaplan."O estranho é que no mesmo dia a juíza Luciana Nasr havia recusado a liminar", disse Ferraz. "Não entendi as razões da liminar. A Ponte não tem nenhuma pendência com o Mineiro, nem com FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) e nem com salários", com pletou. O volante, além da liminar, também entrou com um recurso pedindo para que a Ponte acerte as pendências.Renato Ferraz enviou um ofício notificando a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a Federação Paulista de Futebol (FPF) e o São Caetano. "Ele tinha um prazo de 72 horas para se apresentar (ou seja 5 de fevereiro). Queremos entrar em contato com ele para resolver essa situação", explicou.Enquanto não fizer um acordo com a da Ponte, Mineiro está proibido de defender qualquer outro clube. Além disso, ele será obrigado a pagar os custos processuais no valor de R$ 8.666,66.No São Caetano, a assessoria de imprensa negou o assunto. De acordo com o assessor Primo Ribeiro, Mineiro se recupera de uma lesão no tornozelo. Até agora, o volante ficou fora de dois jogos na semana passada: a vitória de 4 a 2 sobre o The Strongest pel a Taça Libertadores e o empate em 2 a 2 com o Oeste no Paulistão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.