Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Vitor Silva/SS Press/Divulgação
Vitor Silva/SS Press/Divulgação

Lindoso cita 'cobrança interna' e pede atenção nas finalizações no Botafogo

"A conquista da Taça Rio nos dava uma vantagem do empate, mas também não resolveria muita coisa"

Estadão Conteudo

26 de março de 2018 | 19h46

A derrota na final da Taça Rio ainda está sendo digerida pelo Botafogo. Um dia depois de levar 3 a 0 do Fluminense, no Maracanã, o capitão Rodrigo Lindoso disse que o time vive um clima de "cobrança interna" para não repetir na semifinal do Campeonato Carioca os erros de domingo.

+ Confira a tabela da Taça Rio

"Hoje foi um dia mais de pós-jogo e recuperação. Tivemos uma pequena conversa de cobrança interna nossa. A conquista da Taça Rio nos dava uma vantagem do empate, mas também não resolveria muita coisa", disse o meia, referindo-se à derrota na final do segundo turno do Estadual.

O Botafogo já estava classificado para a semifinal do Campeonato Carioca. E a chance de se recuperar do vice-campeonato da Taça Rio será nesta quarta, contra o Flamengo, em jogo único da semi. Como perdeu no domingo, o time alvinegro terá desvantagem na quarta porque o rival se classificará para a finalíssima em caso de empate.

"A gente quer ganhar todos os jogos e sabemos que o clássico é de importância maior para torcida, uma rivalidade maior. Saímos em desvantagem, mas nosso objetivo sempre será vencer. Se chegarmos, em três jogos podemos mudar essa história com o título do Carioca", projetou Lindoso.

Para tanto, o meia cobrou maior concentração no Botafogo. "Temos que fazer um jogo mais concentrado lá na frente na hora de caprichar e colocar a bola para dentro. Lá atrás também ter atenção redobrada. No clássico nós tivemos muitas oportunidades e não aproveitamos. Tivemos o maior número de finalizações, mas também teve o mérito do goleiro", disse Lindoso, referindo-se às boas defesas do goleiro Júlio César no domingo.

"Amanhã [quarta] voltaremos a campo para corrigir esses detalhes. São pequenas coisas, estamos evoluindo e com um bom volume de jogo. Agora é passado e vamos buscar corrigir as coisas para um bom jogo na quarta-feira", afirmou o capitão da equipe.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBotafogoRodrigo Lindoso

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.