Vitor Silva/SSPress/Botafogo
Vitor Silva/SSPress/Botafogo

Lindoso elogia trabalho de Zé Ricardo e comemora evolução do Botafogo

'Apesar do pouco tempo já fez muita coisa', elogiou o volante ao falar do novo treinador

Estadão Conteúdo

17 Agosto 2018 | 19h22

O volante Rodrigo Lindoso elogiou nesta sexta-feira o técnico Zé Ricardo e disse que o Botafogo evoluiu nos dois jogos que fez com o novo treinador. A expectativa agora é que a equipe carioca mantenha essa crescente no domingo, às 16h, no duelo contra o Atlético-MG, no estádio do Engenhão, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro.

"Apesar do pouco tempo já fez muita coisa e sem mudar a equipe. Trabalhou muito o lado pessoal de cada um. Nesses dois últimos jogos nós criamos bem mais, tanto fora de casa contra o Paraná, quanto em casa. No jogo de ontem (quinta-feira) criamos inúmeras chances e isso é passo a passo. Agora não teremos mais tempo para respirar e as coisas serão ajustadas na base do vídeo e da conversa", disse o jogador.

O Botafogo empatou por 1 a 1 com o lanterna Paraná pelo Campeonato Brasileiro no último domingo e na quinta-feira eliminou o Nacional, do Paraguai, da Copa Sul-Americana, com uma convincente vitória por 2 a 0. O time alvinegro foi amplamente superior e Lindoso abriu o marcador da partida. Léo Valencia fez o outro e garantiu a equipe nas oitavas de final da competição.

"Não sou do meio para frente, mas dá uma moral a mais (marcar um gol) para o jogo seguinte. Espero que com o Léo seja dessa forma também. Ontem foi um jogo muito coletivo, fica difícil destacar alguém. O jogo de todo mundo foi parecido, até pela vontade de todos", disse Lindoso.

Lindoso também disse que guarda boas recordações de enfrentar o Atlético-MG no Engenhão. No ano passado, a equipe carioca venceu o adversário mineiro por 3 a 0 e avançou à semifinal da Copa do Brasil. Apesar da grande atuação, o volante também deixou claro que a história agora é completamente outra.

"Era um jogo de mata-mata, é diferente. Mas essa sintonia tem que ser também no Brasileirão. Acho legal. Fica difícil pedir todo jogo, mas esperamos que na maioria dos jogos a torcida faça uma bela festa para que possamos seguir juntos. Estamos vindo de dois empates no Brasileirão, o que nos deixou com um gosto amargo. Esperamos minimizar esses erros para sairmos com os três pontos", finalizou.

 

 

Mais conteúdo sobre:
Rodrigo Lindoso Zé Ricardo Botafogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.