Linense se livra do rebaixamento com vitória fora de casa contra o Red Bull

Foi sofrido, no final e sem muitas chances, mas o Linense conseguiu se manter na elite do Campeonato Paulista. Na noite desta quarta-feira, o time de Lins foi até o estádio Moisés Lucarelli, em Campinas, e venceu o Red Bull Brasil por 1 a 0, na 15.ª e última rodada da primeira fase do Paulistão. O gol da vitória saiu aos 36 minutos do segundo tempo, com Nando.

Estadão Conteúdo

09 de abril de 2015 | 00h33

O resultado tirou o Linense da zona de rebaixamento, terminando a competição na 16.ª colocação geral, em terceiro lugar no Grupo C, com 16 pontos. Já o Red Bull, mesmo com a derrota, já estava classificado para disputar as quartas de final contra o São Paulo, em dia e horário ainda indefinido. O time de Campinas foi o segundo colocado do Grupo A, com 24 pontos.

Mais bem distribuído dentro de campo, o Red Bull iniciou a partida tentando controlar a posse de bola, evitando que o Linense ganhasse coragem de ir ao ataque. A tática, entretanto, não deu certo e aos seis minutos, William Pottkker aproveitou o espaço e chutou com força de fora da área. A bola explodiu no travessão e voltou nos pés de Serginho que empurrou para as redes, mas o árbitro anulou o gol assinalando impedimento do atacante. O primeiro tempo terminou sem que os dois times merecessem ter o placar a seus favores.

No retorno do intervalo, o Red Bull resolveu mostrar a sua força ao Linense e foi com tudo ao ataque. Desta forma, levou perigo logo aos três minutos, em um cobrança de falta com um chute forte de Andrade que exigiu grande defesa de Anderson.

Quando tudo parecia que estava se encaminhando para o empate, o Linense conseguiu fazer o gol da manutenção. Aos 36 minutos, Clebson fez grande jogada e deixou Nando na cara do gol. O atacante limpou a marcação e chutou para dentro das redes.

FICHA TÉCNICA:

RED BULL BRASIL 0 x 1 LINENSE

RED BULL BRASIL - Gabriel Leite; Marcelo, Andrade (Anderson Marques), Samuel e Hélder, Gabriel Silva (Jocinei), Carlinhos e Gustavo Scarpa (Pingo); Wilson Júnior, Allan Dias e Isac. Técnico - Maurício Barbieri.

LINENSE - Anderson; Bruno Moura, Gabriel, Álvaro e Eric; Moisés (Clebson), Memo, Gilsinho (Bruno Tiago) e William Pottker; Diego (Nando) e Serginho. Técnico - Narciso.

GOLS - Nando, aos 36 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Vinícius Furlan.

CARTÕES AMARELOS - Allan Dias (Red Bull); Álvaro e Eric (Linense).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.