Lippi diz que Amauri está nos planos da seleção italiana

A seleção italiana, atual campeã mundial, pode ter um centroavante brasileiro em seus próximos jogos. O técnico Marcelo Lippi revelou que Amauri, goleador da Juventus, está nos seus planos caso consiga a cidadania do país. "Amauri? Claro que conto com ele. E como. Agora, com os procedimentos da cidadania italiana, deveremos chamá-lo com certeza", afirmou o treinador em entrevista publicada na edição desta terça-feira do La Stampa. Paulista de Carapicuíba, Amauri não passou por nenhum clube conhecido no Brasil - começou no Santa Catarina, um clube de empresários, e está desde 2000 no futebol italiano, quando chegou ao Napoli. No país, passou ainda por Piacenza, Messina, Chievo e Palermo, antes de chegar à Juventus, dia 26 de agosto, por 15,3 milhões de euros (R$ 51 milhões hoje).Amauri é cotado para defender a "Azzurra" desde 2006, quando atuava no Palermo e o técnico era Roberto Donadoni. A pressão por sua convocação aumentou depois dos 11 gols que fez pela Juventus, que o colocam como vice-artilheiro do Campeonato Italiano. O jogador, no entanto, sempre desconversa sobre o assunto quando dá entrevistas para os meios de comunicação do Brasil, dizendo que tem interesse em jogar pela seleção brasileira e espera por uma convocação de Dunga - que, por sua vez, sempre elogia o jogador em entrevistas, mas não demonstra a intenção de chamá-lo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.