Lippi enfim consegue ter 23 jogadores em treino da Itália

Com céu nublado, garoa e uma temperatura bem mais amena do que a dos últimos dias, a Itália fez nesta quinta-feira seus últimos treinos antes da viagem para Kaiserslautern, onde enfrenta neste sábado os Estados Unidos. A delegação parte às 10h30 (5h30, horário de Brasília) desta sexta-feira de Duisburg.Com a participação do meia Gattuso, do Milan, que ainda se recupera de contusão na coxa direita, foi a primeira vez na Alemanha que o técnico Marcelo Lippi contou com os 23 jogadores para treinar. Como de hábito, ele não quis antecipar a escalação, mas deve fazer apenas uma mudança em relação à equipe que saiu jogando contra Gana: a entrada de Zambrotta, recuperado de uma lesão muscular na perna esquerda, no lugar de Zaccardo, na lateral-direita. Assim, o time entrará com: Buffon; Zambrotta, Nesta, Cannavaro e Grosso; Perrotta, Pirlo, De Rossi e Totti; Toni e Gilardino.O atacante Gilardino disse na entrevista coletiva concedida no início da tarde que Argentina e Inglaterra foram os melhores times que viu na primeira rodada. Sobre a seleção brasileira, falou com reservas: ?O Brasil não foi espetacular como se esperarava que fosse, mas com os jogadores que tem é claro que vai melhorar?, analisou. ?É um time fortíssimo.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.