Nelson Almeida/ AFP
Nelson Almeida/ AFP

Veja a lista dos times que nunca foram rebaixados no Brasil

Com o Cruzeiro perto da queda, País pode acabar o ano com apenas três equipes que jamais caíram. Veja também a lista de clubes do exterior

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

04 de dezembro de 2019 | 10h49
Atualizado 06 de dezembro de 2019 | 18h58

Restando apenas duas rodadas para o término do Campeonato Brasileiro, o Cruzeiro luta desesperadamente para evitar o rebaixamento para a Série B e, consequentemente, viver a maior crise de sua história. A equipe mineira faz parte da honrosa lista dos times que nunca foram rebaixados na história do futebol brasileiro. Em uma visão mundial, a lista também não é grande. Barcelona, Real Madrid e Internazionale de Milão, por exemplo, jamais estiveram fora da primeira dibisão em seus respectivos países. No Brasil, Flamengo, Santos e São Paulo também nunca foram rebaixados na Nacional.

A Chapecoense também estava na lista, mas sairá nesta temporada. A equipe catarinense não escapou do rebaixamento no Brasileirão. Corinthians, Palmeiras, Botafogo, Fluminense, Vasco, Inter, Grêmio, Atlético-MG, Athletico-PR, Bahia, entre outros, já tiveram o desprazer de disputar divisões inferiores (alguns deles, até mais de uma vez), mas conseguiram voltar para a elite nacional.

Time grande não cai?

Muitos torcedores, principalmente de clubes que nunca foram rebaixados, gostam de usar a frase "Time grande não cai". Mas não é o que a história mostra. Além das equipes citadas acima, clubes com enorme tradição e presente na lista das maiores instituições do futebol mundial já amargaram a Segundona. Casos, por exemplo, de Bayern de Munique, Manchester United, Arsenal, Chelsea, Atlético de Madrid, Milan, Juventus e River Plate. Finalistas da última edição da Liga dos Campeões, Tottenham e Liverpool também já foram rebaixados em suas Ligas.

Confira a lista dos times que nunca foram rebaixados

  • BRASIL*: Cruzeiro, Flamengo, Santos e São Paulo
  • ITÁLIA: Internazionale
  • ESPANHA: Athletic de Bilbao, Barcelona e Real Madrid
  • ALEMANHA: Hoffenheim
  • PORTUGAL: Benfica, Porto e Sporting
  • HOLANDA: Ajax, PSV, Feyenoord e Utrecht
  • ARGENTINA: Boca Juniors
  • CHILE: Colo-Colo
  • COLÔMBIA: Atlético Nacional, Millonarios, La Equidad e Santa Fe
  • URUGUAI: Nacional e Peñarol
  • PARAGUAI: Cerro Porteño, Olímpia e Guaraní
  • MÉXICO: América, Chivas Guadalajara, Cruz Azul, Pumas e Santos Laguna

* Chapecoense fazia parte da lista, mas foi rebaixada neste ano

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.