Lindsey Parnaby/AFP
Lindsey Parnaby/AFP

Liverpool abre mata-mata contra o Bayern de Munique na Liga dos Campeões

Duelo no Anfield Road coloca frente a frente dez títulos da competição, cinco para cada lado

Redação, Estadão Conteúdo

19 de fevereiro de 2019 | 11h16

A segunda metade da rodada de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa terá início nesta terça-feira, às 17 horas (de Brasília), com dois jogos que prometem emoção. Na Inglaterra, o Liverpool, atual vice-campeão, recebe o Bayern de Munique em um duelo com dez títulos da competição em jogo - cinco para cada lado. Já o Barcelona, com Messi e cia., enfrenta o Lyon, na França, em uma partida descrita pelo seu técnico Ernesto Valverde como complicada.

O técnico Jürgen Klopp admitiu que a reação do Bayern de Munique na temporada preocupa o Liverpool. E também está preocupado com os vários desfalques na defesa do time inglês, o que pode obrigá-lo a improvisar o volante brasileiro Fabinho na zaga.

O Bayern fez um fraco início de temporada e chegou a ficar longe da liderança do Campeonato Alemão por seguidas rodadas. No entanto, o time começou a reagir no final do ano passado. Do fim de novembro até agora, sofreu apenas uma derrota em 14 jogos, em todas as competições. Como consequência, se recuperou na competição e está a apenas três pontos do líder Borussia Dortmund.

"Depois de seis anos dominando o Alemão, é claro que este ano seria diferente. Para se sagrar campeão, é necessário aquele desejo da primeira vez e, ao mesmo tempo, um elenco de qualidade. Eles não tiveram isso no início da temporada, mas agora estão revertendo a situação. Para mim, isso os torna muito perigosos", avaliou Klopp.

Para conter o novo ímpeto dos alemães, o treinador terá dificuldades para montar a zaga. Virgil van Dijk, principal zagueiro do time, vai cumprir suspensão. Dejan Lovren ainda se recupera de lesão e tem chances remotas de jogar nesta terça-feira. E Joe Gomez que, com Van Dijk fez o Liverpool a melhor defesa da Europa no início da temporada, passou recentemente por cirurgia.

Diante de tantas baixas, Klopp cogita escalar Fabinho na zaga. "Se o Fabinho jogar nesta posição, não será uma missão fácil. Mas é claro que estamos pensando em reforçar o setor, para não deixar a zaga sozinha contra o ataque do Bayern", disse o treinador, indicando uma postura mais defensiva do Liverpool, mesmo em casa.

BARCELONA X LYON

​O Barcelona inicia nesta terça, na França, a sua participação no mata-mata da Liga dos Campeões. E, de acordo com o técnico Ernesto Valverde, terá muitas dificuldades contra o Lyon. "É uma grande equipe. Temível em seu campo. Não perderam nenhuma vez como mandante nesta temporada", disse o espanhol, em entrevista coletiva promovida pela Uefa que precede o duelo no estádio Parc Olympique Lyonnais.

Valverde lembrou da eliminação na última edição da Liga dos Campeões para falar dos perigos que o Barcelona pode correr na França. No ano passado, pelas quartas de final, o time espanhol fez 4 a 1 na Roma, em casa, mas foi até a capital da Itália e perdeu por 3 a 0, sendo eliminado pelo gol marcado pelos romanos no Camp Nou.

"(Eles) São uma grande equipe. Tem um bom jogo de ataque, com muitos jogadores ofensivos e boa movimentação. Sea uma partida complicada", afirmou Valverde, que destacou nomes como os de Ferland Mendy, Nabil Fekir, Bertrand Traoré e Memphis Depay. "O que mais me agrade neles é que atacam sempre, pressionam os rivais sempre".

Para sorte do Barcelona, Fekir não jogará nesta terça-feira por estar suspenso. "É um jogador que pode decidir uma partida. Joga de meio de campo que faz gols, dá assistências. É uma baixa importante para eles e temos que aproveitar isso", completou Valverde.

O técnico não quis dar pistas se o meia brasileiro Philippe Coutinho, em má fase no clube, começará a partida como titular. Fez o mesmo com relação ao zagueiro francês Umtiti, que se recuperou de lesão e foi relacionado para a viagem.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.