Rui Vieira/AP
Rui Vieira/AP

Liverpool aproveita falha do goleiro, vence Sheffield e segue 100% no Inglês

Equipe de Jurgen Klopp pode aumentar vantagem sobre o Manchester City caso este não vença o Everton neste sábado

Redação, Estadão Conteúdo

28 de setembro de 2019 | 11h44

A sorte é fundamental para um time vencedor e ajudou o Liverpool a vencer mais uma no Campeonato Inglês. Em grande fase na temporada, o time de Jürgen Klopp não fez um grande jogo, mas contou com uma falha bizarra do goleiro rival para bater o Sheffield United por 1 a 0 neste sábado, fora de casa, e manter os 100% de aproveitamento na competição.

Com o triunfo, válido pela abertura da sétima rodada do torneio nacional, o Liverpool foi aos 21 pontos e é o líder isolado na tabela. O atual campeão europeu pode até aumentar ainda mais a sua vantagem em relação ao segundo colocado Manchester City, caso este não vença o Everton fora de casa neste sábado. O Sheffield tem oito pontos e ocupa posição intermediária na tabela.

A vitória suada não foi fruto de uma brilhante atuação do Liverpool, algo comum nos últimos jogos, mas sim de uma falha individual do goleiro Dean Henderson, que levou um frango notável aos 25 minutos do segundo tempo.

Na tentativa de agarrar o chute rasteiro do holandês Wijnaldum, o goleiro falhou e viu a bola passar por debaixo de suas pernas. Até aquele momento, Henderson fazia bom jogo e ajudava seu time a segurar o líder, que, apesar de não ter sido brilhante, incomodou e criou as melhoras chances, especialmente com Mané. O senegalês chegou a acertar a trave após assistência de Firmino.

Após o gol, o Liverpool teve inteligência e conseguiu segurar o triunfo que o deixa confortável na liderança e dá moral e confiança para o próximo compromisso pela Liga dos Campeões. Na quarta-feira, o time inglês, que estreou com derrota na competição intercontinental, recebe o Red Bull Salzburg, da Áustria, no Anfield.

Soberano, mas em ritmo mais lento do em outras partidas nesta temporada, o Liverpool teve as ações do jogo no primeiro tempo. O time de Jürgen Klopp teve algumas chances para abrir o placar, principalmente com Mané. Em uma delas, ele recebeu de Van Dijk e chutou mal. Em outra, após passe de Firmino, acertou a trave.

No segundo tempo, os Reds seguiram no ataque em busca da vitória. Aos 25 minutos, o lance que decidiu a partida. Wijnaldum pegou de primeira na entrada da área, mas sem muita força. O goleiro Dean Henderson foi fazer a defesa, mas se atrapalhou e deixou a bola passar por baixo das suas pernas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.