Carl Recine/Reuters
Carl Recine/Reuters

Liverpool e Barcelona jogam para garantir vaga nas oitavas da Liga dos Campeões

Ingleses recebem o Napoli e catalães encaram o Borussia Dortmund no Camp Nou, nesta quarta-feira

Reação, O Estado de S.Paulo

27 de novembro de 2019 | 04h35

Dois dos principais candidatos ao título da Liga dos Campeões da Europa podem garantir nesta quarta-feira a classificação para as oitavas de final da maior competição de clubes do mundo. Liverpool e Barcelona jogarão em casa e vão conquistar um lugar no mata-mata em caso de vitória simples.

Atual campeão europeu, o Liverpool vai receber às 17 horas (de Brasília) o Napoli, seu principal adversário no Grupo E da competição, pela penúltima rodada. A equipe inglesa, que mais uma vez contará com Alisson, Fabinho e Roberto Firmino, lidera a chave com nove pontos, um a mais do que os italianos. Na Itália, no jogo de ida, o Napoli venceu o atual campeão europeu por 2 a 0. Torcedores do Flamengo estarão atentos ao desempenho do Liverpool, possível rival do time brasileiro no Mundial de Clubes da Fifa.

"Espero ver um Napoli muito forte por várias razões. Eles têm um grande time. Teremos de estar prontos", declarou o técnico Jürgen Klopp. "Teremos de ter consciência desde o primeiro segundo de jogo de que este é um lugar diferente (do primeiro jogo). O Napoli tem um time experiente, forte taticamente e com super jogadores."

Em relação à sua equipe, Klopp garantiu o retorno do volante Naby Keita. "Ele estava doente no fim de semana, mas já está recuperado e treinou normalmente." Já o zagueiro Joel Matip segue em processo de reabilitação por causa de uma lesão no joelho. Será baixa certa nesta quarta. Assim, Lovren continuará formando dupla com Van Dijk.

Se ganhar, o Liverpool não só vai se classificar como também garantirá a primeira colocação do grupo, pois não poderá ser alcançado pelo terceiro colocado, o Salzburg. A equipe austríaca tem quatro pontos e precisa vencer o Genk na Bélgica, também às 17h, para chegar com chance de classificação à última rodada, em que vai receber o Liverpool. O time belga, que tem apenas um ponto, já está eliminado.

MESSI

Na Espanha, também às 17h, o Barcelona enfrentará o Borussia Dortmund, com o qual empatou por 0 a 0 na Alemanha. Apesar do decepcionante empate com o Slavia Praga na rodada passada, no Camp Nou, o time comandado por Lionel Messi lidera o Grupo F, com oito pontos, um a mais do que os alemães. A situação do time espanhol é igual à do Liverpool: se vencer, vai garantir a classificação em primeiro lugar na chave.

"É uma partida importante para nós, para eles (Borussia Dortmund), para a tabela de classificação. Estamos em uma posição de vantagem e, no caso da vitória, seríamos já os primeiros do grupo. É uma oportunidade que queremos aproveitar", disse Ernesto Valverde, o treinador do Barcelona.

Na terceira colocação da chave está a Inter de Milão, que jogará contra o Slavia na República Checa. A situação do time italiano é delicada: com quatro pontos, precisa ganhar para não correr o risco de chegar praticamente eliminado à rodada final, em que vai enfrentar em casa o Barcelona. A Inter vive a expectativa de ter ou não Gabigol de volta. O atacante do Flamengo ainda não tomou sua decisão. Seu contrato pertence ao clube italiano. 

CHELSEA

O Grupo H terá uma rodada fundamental nesta quarta-feira, já que Ajax, Chelsea e Valencia estão empatados na liderança, todos com sete pontos. Enquanto os espanhóis e os ingleses vão se enfrentar em Valência, às 14h55, o time holandês jogará contra o Lille, às 17h, na França. O Ajax torce por um empate entre seus concorrentes na Espanha. Se isso ocorrer, a equipe de Amsterdã chegará à rodada final na liderança isolada em caso de vitória sobre o Lille, que tem apenas um ponto.

No Grupo G, o RB Leipzig vai receber o Benfica às 17h com possibilidade de garantir a classificação para as oitavas com uma rodada de antecedência. Para isso, basta vencer os portugueses. Em São Petersburgo, às 14h55, vão se enfrentar Zenit (terceiro colocado) e Lyon (vice-líder).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.