Phil Noble/Reuters
Phil Noble/Reuters

Liverpool e City fazem duelo direto pela liderança no Inglês

Equipes dividem a ponta e jogam em Anfield; Chelsea torce por empate para alcançar o topo

O Estado de S.Paulo

07 Outubro 2018 | 05h00

Liverpool e Manchester City se enfrentam neste domingo, no estádio Anfield Road, em duelo direto pela liderança do Campeonato Inglês, no mesmo dia em que o Chelsea visitará o Southampton de olho em se aproveitar de um possível empate entre os dois primeiros colocados.

Na tabela de classificação, o City está na ponta, com 19 pontos e 18 gols de saldo, logo à frente do Liverpool, que tem a mesma pontuação, mas seis gols a menos. O Chelsea está na terceira colocação, com 17 pontos e saldo positivo de dez.

Com isso, existe a possibilidade de os três times terminarem a oitava rodada com a mesma pontuação. Para isso ocorrer, a partida em Anfield tem de terminar empatada e o Chelsea precisa vencer o Southampton no St. Mary’s Stadium.

Para mais um duelo entre o alemão Jürgen Klopp e o espanhol Pep Guardiola, técnicos de Liverpool e Manchester City, respectivamente, as equipes trazem na bagagem resultados opostos na Liga dos Campeões.

O Liverpool, de Alisson, Fabinho e Roberto Firmino, viajou à Itália e foi batido pelo Napoli por 1 a 0. Com isso, perdeu a liderança da chave justamente para o algoz. Além disso, o PSG goleou o Estrela Vermelha por 6 a 1 e embolou o Grupo C.

Já o City, de Ederson, Danilo, Fernandinho e Gabriel Jesus, se reabilitou de derrota na competição continental na estreia ao superar o Hoffenheim por 2 a 1, graças ao gol nos minutos finais marcado pelo meia espanhol David Silva.

Apesar de jogar fora de casa, Guardiola promete colocar o City no ataque. “Neste tipo de jogo, devemos ser nós mesmos. Para minimizar as ações de Firmino, Salah e Sadio Mane, temos de atacar e fazer o melhor possível”, disse.

O Chelsea, por sua vez, busca a vitória depois de dois empates seguidos no Inglês, em duelos com West Ham e Liverpool. Adversário dos Azuis, o Southampton tem apenas cinco pontos e luta contra o rebaixamento.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.