REUTERS/Craig Brough
REUTERS/Craig Brough

Liverpool passa pelo Nottingham Forest e encara Manchester City na semifinal da Copa da Inglaterra

Equipe de Jürgen Klopp supera tradicional clube inglês pelo placar mínimo, com gol marcado por Diogo Jota; jogo é marcado por homenagens a vítimas da tragédia de Hillsborough

Redação, Estadão Conteúdo

20 de março de 2022 | 17h23

Separados por um ponto na briga pelo título do Campeonato Inglês, Manchester City e Liverpool também vão levar a rivalidade para a Copa da Inglaterra, na qual se encontrarão na semifinal após vitórias neste domingo e como definido em sorteio antes do complemento da rodada das quartas. A outra semifinal será entre Chelsea e Crystal Palace. Os jogos serão nos dias 16 e 17 de abril. A última vaga foi definida com o triunfo dos comandados de Jürgen Klopp em visita ao Nottingham Forest, por 1 a 0, gol de Diogo Jota.

O reencontro entre Nottingham Forest x Liverpool após quase 33 anos da tragédia de Hillsborough, em duelo também válido pela Copa da Inglaterra, foi marcado por homenagens. O clube local resolveu lembrar das vítimas daquele fatídico 15 de abril de 1989 e deixou 97 cadeiras vazias nas arquibancadas em simulação ao número de mortos.

Torcedores do Nottingham ainda levaram flores ao estádio City Ground. No dia 15 de abril de 1989, em duelo pelas semifinais entre as equipes vermelhas que se reencontraram neste domingo, 97 torcedores do Liverpool morreram pisoteados em um estádio superlotado e outros 766 ficaram feridos após a invasão de um setor já com muitos presentes.

Neste domingo, o estádio mais uma vez estava com arquibancadas totalmente lotadas e com torcedores prontos apenas para uma festa. De olho no Campeonato Inglês, o Liverpool deixou algumas peças importantes de fora. Salah e Mané foram poupados, enquanto Díaz, Thiago Alcântara, Henderson, Matip ficaram apenas na reserva.

Com escalação alternativa, o Liverpool sofreu para fazer valer seu favoritismo. O primeiro tempo terminou 0 a 0. O gol da classificação surgiu de uma saída errada do Nottingham Forrest. A bola recuperada foi até a esquerda, nos pés do lateral Tsimikas. O jogador cortou a marcação e cruzou para Diogo Jota marcar, de pé direito.

Faltavam apenas 18 minutos para o fim do jogo e o português garantiu a festa dos torcedores do Liverpool. Com a vantagem, bastou a equipe se segurar atrás para a garantia da vaga. Antes das semifinais, o Liverpool terá outro encontro com o City, este que pode definir o rumo do Inglês, o dia 10 de abril.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.