Phil Noble / Reuters
Phil Noble / Reuters

Liverpool sofre, mas ganha de virada com ajuda de goleiro do Crystal Palace

Outras partidas da rodada tiveram vitória do Manchester United e jogaço entre Wolverhampton e Leicester

Redação, Estadão Conteúdo

19 de janeiro de 2019 | 16h01

O Liverpool flertou com um tropeço neste sábado, pela 23.ª rodada do Campeonato Inglês, mas venceu de virada o Crystal Palace por 4 a 3, no estádio Anfield Road, em Liverpool, com significativa colaboração do goleiro rival e da sorte em dois gols. Com o resultado, o líder do torneio agora tem 60 pontos.

O time treinado pelo técnico alemão Jürgen Klopp agora espera a partida do Manchester City, que será neste domingo. Fora de casa, caso vença o Huddersfield Town, lanterna da competição, a equipe do treinador espanhol Pep Guardiola voltará a ficar quatro pontos atrás do Liverpool.

Em campo, Townsend abriu o placar para os visitantes aos 33 minutos, quando o Crystal Palace concluiu um contra-ataque. O Liverpool só empatou no segundo tempo, logo no primeiro minuto, quando Virgil van Dijk tentou chute despretensioso de muito longe. A bola subiu muito depois de desviar em um defensor e caiu ao alcance do atacante egípcio Mohamed Salah, que aproveitou hesitação do goleiro Julian Speroni e finalizou de primeira para o gol.

Roberto Firmino virou o jogo, mas James Tomkins igualou de novo o placar. O Crystal Palace, porém, viu Speroni desviar para a direção do próprio gol um cruzamento que veio da direita, em lance que Salah concluiu para as redes, aos 29 minutos. James Milner foi expulso, mas Sadio Mané fez o quarto gol do time da casa, aos 47. Max Meyer ainda descontou, aos 49, e Zaha tentou o empate com chute de fora da área no último lance, mas a bola subiu muito.

OUTROS JOGOS

Ainda em busca de uma vaga na próxima edição da Liga dos Campeões da Europa, o Manchester United fez 2 a 1 sobre o Brighton, em casa, e ganhou pela sexta vez seguida pelo Campeonato Inglês, todas sob o comando do técnico interino norueguês Ole Gunnar Solskjaer, substituto do português José Mourinho. Paul Pogba e Marcus Rashford fizeram os gols do triunfo do time mandante, que agora tem 44 pontos.

O Wolverhampton aplicou o primeiro 4 a 3 da rodada, em casa, contra o Leicester City. O time visitante chegou a buscar o empate duas vezes, mas não contava com os três gols do português Diogo Jota, o último aos 47 do segundo tempo, quando recebeu passe do mexicano Raúl Jiménez e finalizou com perfeição.

Nas demais partidas da rodada, o Bournemouth venceu o West Ham por 2 a 0, em casa; o Newcastle recebeu o Cardiff City e aplicou 3 a 0; o Southampton, como mandante, bateu o Everton por 2 a 1; e o Watford não aproveitou o fator casa e ficou no 0 a 0 contra o Burnley.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.