Livorno demite treinador após derrota para o Napoli

O Livorno, 16º colocado no Campeonato Italiano, já está à procura de seu terceiro treinador na temporada. Neste domingo, após a derrota por 2 a 0 para o Napoli, em casa, Serse Cosmi anunciou que deixaria a equipe.

AE-AP, Agencia Estado

24 de janeiro de 2010 | 15h53

Cosmi pediu demissão após conversa com o presidente do clube, Aldo Spinelli. O técnico, de 51 anos, afirmou que deixou o cargo para o bem do clube.

Serse Cosmi assumiu o comando o Livorno em outubro de 2009, substituindo Gennaro Ruotolo, também demitido por maus resultados. O clube ainda não anunciou o nome do novo treinador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.