Londrina vence Náutico em Pernambuco e fica em 5º lugar na Série B do Brasileiro

Germano e Keirrison fizeram os gols da partida

Estadão Conteúdo

30 Agosto 2016 | 22h33

O Náutico foi surpreendido na Arena Pernambuco, no Recife, nesta terça-feira, ao perder por 2 a 0 para o Londrina, pela 22.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O time pernambucano, que vinha de vitória fora sobre o Vila Nova, continua com 31 pontos, em oitavo lugar. O paranaense, que tinha perdido em casa para o Goiás, se reabilitou e aparece na quinta posição, com 36 pontos. Além disso confirmou a sua excelente performance como visitante com quatro vitórias, quatro empates e apenas três derrotas.

Sem o técnico Alexandre Gallo no banco de reservas por estar suspenso, o time pernambucano teve no comando o auxiliar Valdir Benedito. Ele, porém, garantiu que ouviria as orientações do treinador para passar aos jogadores. A verdade é que o Náutico não jogou bem no primeiro tempo, a ponto de não chutar uma bola com perigo no gol adversário.

O Londrina, bem organizado no sistema de marcação, abriu o placar aos 36 minutos. Rondinelly cobrou falta pelo lado esquerdo levantando na pequena área. A defesa parou e o experiente Germano apareceu para tocar de perna esquerda para as redes.

Na volta do intervalo, o mandante apresentou duas mudanças. Entraram Vinícius e Bergson, respectivamente, nas vagas de João Ananias e Hugo. Foram 10 minutos de pressão, com a bola passando perto do goleiro Marcelo Rangel, que só defendeu um chute de longe de Bergson, de fora da área, aos 10.

Em um contra-ataque, o time paranaense ampliou. Zé Rafael roubou a bola de Joazi na defesa e saiu em disparada. Passou por dois jogadores e virou para a esquerda, onde Keirrison bateu de primeira: 2 a 0, aos 14 minutos. O Náutico sentiu o gol e quase não teve forças para reagir. Só teve uma chance com Nem, que finalizou após tabela na área, mas o goleiro defendeu bem.

Neste sábado, os dois times voltam a jogar pela 23.ª rodada. O Náutico, às 21 horas, vai medir forças contra o lanterna Sampaio Corrêa, no estádio Castelão, em São Luís. O Londrina vai tentar manter a sua grande campanha em casa, no estádio do Café, em Londrina (PR), diante do Joinville, que está na zona de rebaixamento.

FICHA TÉCNICA

NÁUTICO 0 x 2 LONDRINA

NÁUTICO - Julio Cesar; Joazi, Rafael Pereira, Adalberto e Gastón Filgueira; João Ananias (Vinícius), Eurico, Renan Oliveira (Yuri Mamute) e Hugo (Bergson); Roni e Jefferson Nem. Técnico: Valdir Benedito (auxiliar).

LONDRINA - Marcelo Rangel; Igor Bosel, Everton Sena, Matheus (Luisão) e Paulinho; Germano, Fillipe Soutto, Rafael Gava (Zé Rafael) e Rondinelly; Jô e Keirrison (Itamar). Técnico: Claudio Tencati.

GOLS - Germano, aos 36 minutos do primeiro tempo; Keirrison, aos 14 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Eurico e Roni (Náutico); Igor Bosel e Everton Sena (Londrina).

CARTÃO VERMELHO - Jô (Londrina).

ÁRBITRO - Devarly Lira do Rosário (ES).

RENDA - R$ 47.780,00.

PÚBLICO - 3.117 pagantes.

LOCAL - Arena Pernambuco, no Recife (PE).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.